Isso é muito Black Mirror! Netflix permitirá que espectadores escolham final de séries

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

1 de outubro de 2018 às 15:39 - Atualizado há 2 anos

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 22 a 25/Fev - 2021, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

Isso é MUITO Black Mirror! A Netflix permitirá que você escolha o que acontecerá em algumas séries – o streaming dará opções e o telespectador poderá selecionar, do controle da televisão ou do videogame, qual será o próximo passo da história. A previsão de lançamento para a novidade é até o final do ano, segundo a Bloomberg – e sim, os espectadores poderão escolher o que acontece em Black Mirror.

A novidade de live-action estará disponível em um episódio da próxima temporada de Black Mirror, com previsão de lançamento em dezembro deste ano. Essa é a primeira vez que a Netflix trará a ferramenta para um conteúdo adulto – o serviço de streaming estreou a novidade com dois desenhos para criança, “Gato de Botas: Preso num Conto Épico” e Buddy “Thunderstruck: A Pilha do Talvez”. Veja o vídeo de apresentação:

Segundo a Bloomberg, a Netflix já fechou um acordo para lançar o projeto em outra série, enquanto continua em negociação com outras. Dois dos projetos que seguem em negociação são em adaptações de videogames, o que combina perfeitamente com a iniciativa de storytelling que já é utilizada em alguns jogos, como o de terror “Until Dawn”.

A novidade da Netflix pode atrair os espectadores que gostam de jogos e séries e garantir que as produções fiquem ainda mais interessantes, uma vez que telespectadores terão o poder de decisão na história. Esse é um exemplo de como a gamificação está sendo utilizada para engajamento das pessoas, entretanto, não foi divulgado o valor da iniciativa. O projeto em live-action irá, certamente, necessitar de mais tempo de produção, com roteiros e cenas mais complexas do que as séries convencionais, mas não há informações sobre os custos da novidade de live-action.