Médicos chineses utilizam realidade virtual em cirurgia há kms de distância

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

12 de janeiro de 2018 às 12:56 - Atualizado há 3 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Médicos da China estão usando tecnologia em outro nível: para ajudar em cirurgias, mesmo quando encontram-se há alguns quilômetros de distância do paciente. As tecnologias utilizadas foram realidade virtual e imagens em 3D.

No caso, os médicos utilizaram a tecnologia em uma cirurgia de fratura de ossos em um hospital de Bortala, em Xinjiang, na China. A realidade virtual e as imagens 3D foram utilizadas porque o doutor-chefe da operação, Ye Zhewei, estava em outro hospital há 3.700 km de distância.

Ye observou o procedimento a partir de um headset de realidade virtual e marcou em uma imagem 3D todas as instruções que seus colegas deveriam realizar. “Todos os ossos, músculos e nervos do meu corpo se tornaram uma imagem 3D. A posição da fratura estava óbvia e isso até me ajudou a entender a minha condição”, disse a paciente de 59 anos que não teve o nome relevado.

[php snippet=5]

Para Ye Zhewei, as tecnologias evitaram o custo de voo de toda a sua equipe. Ele ainda afirmou que as imagens são mais sofisticadas do que as utilizadas por webcams simples. O médico considera que essas tecnologias poderiam ser aplicadas em outros tipos de cirurgia no futuro.

Atualmente, essas tecnologias já têm sido utilizadas em diversas áreas, e o sucesso da cirurgia mostra que esse pode ser um futuro válido para a medicina. Para ver pessoalmente como a tecnologia pode ser utilizada para melhorar serviços na saúde, participe da Missão Health, no maior centro de inovações do mundo: o Vale do Silício.

(Via South China International Post)