Loja da Apple expulsa estudantes negros por preocupação que “roubassem algo”

"Esses caras estão um pouco preocupados com a sua presença na loja. Eles se preocupam que vocês possam roubar algo", disse um funcionário da Apple sobre os seguranças da loja

Avatar

Por Júlia Miozzo

12 de novembro de 2015 às 15:48 - Atualizado há 4 anos

SÃO PAULO – Uma loja da Apple em Melbourne, na Austrália, expulsou um grupo de estudantes negros do estabelecimento por estarem preocupados que eles pudessem “roubar algo” de lá, segundo informações do The Guardian. Um dos estudantes conseguiu filmar a situação e publicou em seu Facebook na última terça-feira (10).

“Esses caras estão um pouco preocupados com a sua presença na loja. Eles se preocupam que vocês possam roubar algo”, disse um funcionário da Apple sobre os seguranças da loja, no vídeo.

Após o ocorrido, o diretor da escola acompanhou os estudantes à loja para procurar o gerente, que se desculpou. Uma das vítimas, Mohames Semra, publicou no Facebook: “Eles se desculparam, então estamos tranquilos, não há necessidade de levar isso adiante”. Clique aqui para ver o vídeo.