Inovação em recrutamento e seleção: 7 dicas que vão fazer a sua empresa criar uma cultura sólida

João Gobira

Por João Gobira

18 de Maio de 2020 às 17:21 - Atualizado há 5 meses

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Você pensa na inovação em recrutamento e seleção para a sua empresa? Se sim, está no caminho certo, e se não, é hora de reconsiderar a decisão, que tem um grande potencial de melhorar exponencialmente seus resultados já a curto prazo através da definição de uma cultura bem estabelecida.

Saber como recrutar os profissionais ideais é fundamental para qualquer negócio, já que são eles que movimentarão a engrenagem da companhia e a farão prosperar. Quanto mais forte é a equipe de trabalho, melhores tendem a ser os resultados.

A grande questão está em encontrar tais profissionais. Muitas vezes, o fato de não encontrar os colaboradores ideais não significa que a empresa tenha colocado uma imagem impossível em sua busca, mas sim que a procura não está sendo feita da maneira correta – ou mesmo no local correto.

Em outras vezes, pode-se idealizar a imagem de um colaborador que, de fato, não existe. É essencial filtrar as principais competências que eles devem ter para, então, analisar as opções disponíveis e escolher aquela que melhor se adequa às demandas.

A grande importância deste setor já foi contemplada em vários estudos, como em um feito pela QY Research, que avaliou o mercado global de recrutamento em US$ 215,68 bilhões em 2017, ou seja, ele movimentava US$ 590,9 milhões todos os dias.

A própria QY Research estimou que seu valor deve atingir US$ 334,28 bilhões em 2025, o que representaria uma taxa de crescimento anual composta (CAGR) de 5,63% de 2017 a 2025. Logo, em um mundo em que a tecnologia ganha cada vez mais força, o recrutamento ainda se mantém altamente relevante.

Porém, é importante saber qual é o papel da inovação em recursos humanos de modo a não ficar para trás, já que empresas com uma equipe que não é a ideal provavelmente perderão espaço no mercado para outras que souberam pinçar os melhores talentos.

Confira as dicas que separamos para que sua empresa inove no recrutamento e seleção e, assim, tenha uma equipe escolhida a dedo, o que trará excelentes resultados para o presente e o futuro.

7 dicas de como aplicar a inovação em recrutamento e seleção em sua empresa

O que é inovação nas empresas?

Quanto antes sua empresa investir na inovação tecnológica para recrutar novos colaboradores, mais rapidamente ela poderá estabelecer a cultura ideal para lidar com a questão daqui em diante e, assim, aproveitar todos os benefícios trazidos por uma equipe minuciosamente montada!

1 – Recorra ao Big Data…

Gestão Flywheel

Você já deve ter ouvido falar em Big Data, não é? Este é o campo que trata dos caminhos para analisar, extrair informações sistematicamente ou lidar de outras formas com grandes conjuntos de dados, os quais não poderiam ser analisados por softwares de processamento tradicionais.

Em outras palavras, ele consiste em enormes conjuntos de dados que podem ser filtrados para que se transformem em informações relevantes. É como obter a organização através de um volume caótico de dados coletados a partir de sites, redes sociais, geolocalização e por aí vai.

Por meio dessa inovação tecnológica, é possível coletar dados de perfis de redes sociais, bancos de dados de currículos, avaliações de desempenho e até mesmo do comportamento dos candidatos na internet, de modo a traçar um perfil muito mais completo do que podem oferecer às empresas.

De acordo com o portal Statista, o faturamento do mercado de Big Data foi de US$ 122 bilhões em 2015, passando a US$ 130,1 bi (2016), US$ 149 bi (2017) e US$ 168,8 bi (2018). Além disso, estima-se que o faturamento tenha atingido US$ 189,1 bi em 2019 e chegue a US$ 274,3 bi em 2022.

Com tamanho crescimento, é apenas questão de tempo que ele se torne mais presente e acessível no que tange à inovação em recrutamento e seleção.

2 – Mas não se esqueça do bom e (relativamente) velho networking

Smiling Sphere Balloon in the middle of grey crowd. ( 3d render )

Ora, se o networking é uma estratégia adotada por quem procura por uma nova colocação no mercado, porque também não pode ser utilizado pelos recrutadores para encontrar o candidato ideal?

Seja no contato com empresas parceiras, com amigos ou até mesmo em eventos corporativos, vale a pena ficar de olho em talentos que estejam disponíveis no mercado e buscando por outra colocação.

Como ambas as partes serão beneficiadas (recrutador e candidato), não há porque deixar de aplicar o processo também por parte de quem contrata. Com os contatos certos, você pode chegar ao profissional que tanto procura, tudo isso com a ajuda da internet, a sumidade da inovação tecnológica atualmente.

3 – Procure por candidatos no LinkedIn

transformação digital não é uma ciência

De acordo com a Síntese de Indicadores Sociais (SIS) 2019, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 79,9% da população reside em domicílios com acesso à internet, ou seja, praticamente 4 a cada 5 pessoas podem estar conectadas.

Com a grande maioria da população com acesso à rede mundial de computadores, as chances de encontrar o seu candidato na internet são grandes, o que também deve ser considerado como uma inovação em recrutamento e seleção.

Quando se fala sobre internet e candidatos, é praticamente impossível deixar de citar o LinkedIn, um excelente banco de talentos para encontrar potenciais colaboradores que não estariam ao seu acesso de outras maneiras.

Mesmo sem que eles tenham entregue currículos ou entrado em contato com a sua empresa, é possível encontrá-los por suas competências, recomendações e outras informações valiosas de seus perfis. O melhor é que tudo isso já está disponível e pode ser utilizado por sua empresa a qualquer momento.

Caso não haja tanta familiaridade com a rede social, é indicado navegar nela durante um tempo para entender como funciona, mas fique tranquilo, pois é bem simples utilizá-la. Quando encontrar potenciais candidatos, entre em contato com eles para tirar suas dúvidas e, quem sabe, iniciar um processo seletivo.

4 – Invista em softwares de recrutamento

pesquisa organica google

Os softwares de recrutamento são outra alternativa que traz a transformação digital para dentro da sua empresa e tornam os processos de seleção de candidatos muito mais simples, ágeis e eficazes.

Eles consistem em sistemas capazes de automatizar algumas partes do fluxo de recrutamento, como divulgação de vagas, monitoramento de candidatos, análise de recrutamento, avaliações prévias à contratação e até mesmo treinamento e orientação de novos contratados.

Aqui está uma bela oportunidade de inovação em recrutamento e seleção, já que tais softwares permitem que várias atividades até então realizadas manualmente possam ser feitas com o auxílio da tecnologia, o que é uma mão na roda para quem está diretamente envolvido com estes processos.

De acordo com uma pesquisa feita pela Fortune Business Insights, o mercado global de softwares de recrutamento foi avaliado em US$ 1,753 bilhão em 2017 e deve atingir US$ 3,095 bilhões até o final de 2025, com uma taxa de crescimento anual composta de 7,4% no período citado, dado que endossa sua adoção.

5 – Analise o desempenho da sua equipe atual com o auxílio de softwares especializados

É comum olhar para fora quando se fala sobre a inovação em recrutamento e seleção, mas um olhar para dentro da empresa também é fundamental para conseguir melhorar os resultados com uma ferramenta que pode estar mais perto do que se imagina: colaboradores que já estão na equipe.

Pense na seguinte situação: você precisa contratar um novo gestor de projetos, mas não consegue encontrar um profissional com as qualidades desejadas no mercado. Porém, um profissional que atua no setor operacional demonstra um grande potencial de tornar-se um excelente gestor, mas ninguém pensou nisso.

A situação não é tão incomum assim, especialmente em empresas com um maior número de colaboradores. Em meio a uma equipe tão grande e à tradicional correria do dia a dia, aquele grande talento pode deixar de ser lapidado por falta de atenção.

É aí que entra a inovação tecnológica: mediante o uso de sistemas de gestão de recursos humanos, capazes de ajudar colaboradores e gestores a trabalharem com todo o seu potencial. Empresas de todos os portes e segmentos podem passar a usá-los para aumentar a produtividade e a satisfação da equipe como um todo.

É difícil prestar atenção no perfil e na evolução de todos os colaboradores sem o auxílio da tecnologia, mas com o emprego de softwares deste tipo, a situação será algo cada vez mais distante da sua realidade.

Como não poderia deixar de ser, os números também são positivos aqui. De acordo com uma pesquisa da MarketsandMarkets, o mercado global de softwares de recursos humanos essenciais foi avaliado em US$ 6,47 bilhões e deve atingir US$ 9,89 bilhões em 2022, crescendo 8,8% ao ano.

6 – Inove nos processos de seleção

Como nós vimos no artigo sobre os novos modelos de gestão, a inovação nem sempre está atrelada a produtos e serviços: ela também pode (e deve) estar relacionada aos processos realizados pela empresa.

Considerando que o primeiro currículo de que se tem notícia tenha sido criado em 1482 por ninguém menos que Leonardo da Vinci, será que se ater apenas a uma ferramenta tão antiga, com mais de 537 anos de existência (embora tenha passado por algumas modificações, é claro), é a melhor opção?

O que queremos dizer aqui é que a inovação disruptiva também pode se dar através de outros métodos de seleção que não apenas o currículo. Afinal de contas, listar todos os seus atributos e qualificações apenas em algumas folhas de papel não é uma tarefa fácil – imagine listar tudo o que da Vinci sabia fazer!

O perfil do LinkedIn é uma das alternativas, além de conversas sinceras em entrevistas menos engessadas e de demonstrações práticas de conhecimento, o qual não necessariamente é acompanhado de um diploma de faculdade ou de uma experiência comprovada na carteira de trabalho.

Outro ponto que merece ser ressaltado é a importância de ter um especialista na área para a qual se deseja contratar alguém participando do processo de seleção, o que deve acontecer de acordo com as suas possibilidades.

Quem atua no setor de RH sabe como agir em sua área, mas nem sempre poderá avaliar se o candidato realmente detêm os conhecimentos que se esperam dele para aquela determinada vaga. Aliás, seria até injusto exigir que os profissionais de recursos humanos soubessem sobre todas as áreas.

Portanto, sempre que possível, conte com o auxílio de um especialista para ajudar na triagem de candidatos e também em suas entrevistas. Assim, as chances de acertar na mosca tornam-se muito maiores.

7 – Crie a nova cultura de recrutamento e seleção da sua empresa baseado em tudo isso, mas esteja aberto a mudanças

como implementar inside sales nas pmes

A última dica também não está necessariamente aliada à tecnologia, embora não possa ser descartada como uma inovação em recrutamento e seleção. Depois de conhecer todas as dicas que apresentamos, defina como será a cultura da sua empresa para lidar com esta questão.

Disrupções gerenciais e organizacionais podem ser complicadas, mas em um mundo que demanda cada vez mais capacidade de adaptação, elas são importantes e necessárias. Ficar preso em modelos retrógrados é tão pesado quanto colocar uma âncora em um barco que quer velejar rapidamente no oceano.

Além disso, porém, esteja aberto a mudanças e atualizações. Afinal, a cultura de uma empresa não é algo imutável, já que mudanças que estejam dentro de sua linha de raciocínio e metodologia são bem-vindas.

A inovação em recrutamento e seleção pode levar sua empresa a um patamar muito mais elevado

treine a sua equipe para implementar um inside sales

A gestão inovadora para RH’s é uma necessidade. A inovação em recursos humanos é tão importante quanto para todas as outras áreas da empresa, embora por vezes seja esquecida ou relegada, infelizmente.

Mesmo que você se veja em uma situação parecida, porém, fique tranquilo, pois a faca e o queijo estão em suas mãos. Depois de se conscientizar sobre o quão importante é ter uma gestão eficaz e uma cultura atualizada, moderna e aberta a novidades, basta implementar as mudanças necessárias o quanto antes.

A Missão Vale do Silício RH é uma excelente oportunidade para quem deseja estar imerso no núcleo mundial da inovação, que está reinventando todos os setores, entre eles a gestão de pessoas, que, como vimos, tem um potencial enorme, movimentando milhões de dólares todos os dias.

Faça tudo que está ao seu alcance para tornar a inovação em recrutamento e seleção em uma realidade. Você perceberá como os esforços terão sido valido a pena quando analisar a qualidade da equipe que te acompanha e as dimensões dos resultados obtidos, além de ter um horizonte altamente promissor à sua frente.