IBM e Maersk lançam empresa de blockchain em mercado de US$ 4 trilhões

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

17 de janeiro de 2018 às 13:18 - Atualizado há 3 anos

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora
Logo Black Friday 2020

Nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

A IBM e Maersk anunciaram que estão lançando um joint-venture (empreendimento conjunto) que utiliza a blockchain para mudar como produtos são enviados pelo mundo. A parceria entre as duas empresas gerou uma nova empresa, que ainda não possui nome. A empresa focará em simplificar processos complexos de transporte de objetos entre fronteiras.

A empresa trará para o mercado duas funcionalidades da IBM Blockchain – uma informação do frete em tempo real, visão transparente da movimentação de mercadorias e smart contracts (contratos inteligentes) para substituir os de papel.

“Mais de US$ 4 trilhões em bens são enviados cada ano, e mais de 80% dos objetos que as pessoas utilizam diariamente são trazidos pela indústria de transporte em oceano. (…) De acordo com The World Economic Forum, reduzir barreiras na cadeia de suprimentos internacional e trocas globais pode aumentar em 15% o comércio global, melhorando a economia e criando empregos”, disse a Maersk em um comunicado.

[php snippet=5]

A empresa terá sede em Nova York e deverá começar funcionar dentro de seis meses – o tempo é incerto devido à algumas regulações que devem ser feitas. Maersk e a IBM têm trabalhado na plataforma desde junho de 2016. A solução da blockchain já foi testada por empresas como DuPont, TetraPak, Dow Chemical, entre outras.

“Os testes confirmaram nossas expectativas que, na indústria, há uma demanda considerável por ganhos eficientes e oportunidades trazidas a partir da padronização do fluxo de informações”, disse Michael J. White, presidente da Maersk Line na América do Norte e será CEO da nova empresa.

“Agora nosso trabalho progrediu para o ponto que a versão beta, que envolveu todos os players do ecossistema em uma específica faixa comercial, pode ser lançada. É por isso que criamos esse joint venture – para trazer soluções para esse mercado”, comentou o presidente da Maersk Line.

Entre as empresas que estão planejando utilizar a blockchain, estão a Procter & Gamble e Agility Logistics.

As empresas também estão construindo um conselho de especialistas na indústria para auxiliarem no desenvolvimento da plataforma.

A blockchain surgiu com as criptomoedas, mas hoje é uma plataforma aberta de transações e gestão, que possui uma alta confiabilidade devido à criptografia e por trazer informações disponíveis para todos.

Hoje, ela é uma plataforma utilizada até para a elaboração de contratos. Para saber como a blockchain poderá ser utilizada em segmentos de nossas vidas, participe do evento 2018 – A Revolução da Nova Economia, no qual serão discutidas as tecnologias mais inovadoras do mercado.

(Via Venture Beat)