HSBC usa blockchain e pode acabar com um mercado centenário de US$ 9 trilhões

A transação foi de um carregamento de soja entre Argentina e Malásia, entre Cargill e ING Bank, usando tecnologia desenvolvida pelo consórcio R3

Avatar

Por Da Redação

15 de Maio de 2018 às 09:49 - Atualizado há 2 anos

O HSBC realizou uma operação que pode significar uma mudança gigantesca em como a economia mundial funciona. Pela primeira vez ela fez uma operação comercial entre dois países usando apenas o Blockchain para registrar tudo que era necessário, diminuindo radicalmente o tempo de transação, custos, trabalho de papelada e aumentando a segurança.

A transação foi de um carregamento de soja entre Argentina e Malásia, entre Cargill e ING Bank, usando tecnologia desenvolvida pelo consórcio R3. A tecnologia permitiu que fosse usado uma plataforma apenas – e o HSBC acredita que essa “demonstração técnica” deverá permitir a adoção em massa dessa tecnologia no mercado de US$ 9 trilhões, mudando uma indústria centenária.

Receba gratuitamente nosso E-book sobre “A Nova Economia”

O HSBC tem grandes esperanças neste negócio. “Esse é um ponto de inflexão em como esse tipo de negociação é conduzida. Com a blockchain, o uso do papel é removido pois todas as partes estão na plataforma e os updates são instantâneos”, afirmou Vivek Ramachandran, head global de inovação e crescimento para o HSBC.

Ele afirma que pela 1ª vez puderam colocar as transações da economia clássica na era digital. A operação foi concluída em 24 horas, muito mais rápido do que os 10 dias estimados apenas para a troca da papelada necessária em uma negociação dessas.

Além disso, a transação pode ser replicada facilmente, o que facilitaria para agilizar ainda mais futuros negócios – economizando tempo e dinheiro. Um problema é a necessidade, porém, de ter aprovação regulatória e adaptação para cada país que conduzirá esse tipo operação. Um sistema desses demorará ao menos 5 anos para ficar pronto, mas Ramachandran acredita que valerá muito a pena.

É uma oportunidade gigantesca que se desenha nos próximos anos para mudar como a economia global está estruturada! Para entender a dimensão da Nova Economia e como ela pode impactar na vida das pessoas, dê uma olhada neste especial que preparamos para você através deste link.