Facebook está testando botão de negativar comentários na rede social

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

21 de fevereiro de 2018 às 11:41 - Atualizado há 3 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Desde que Trump foi eleito nos Estados Unidos, existe a polêmica se as fake news veiculadas em redes sociais – principalmente no Facebook – tiveram influência no resultado das eleições. Outra queixa dos usuários é que há muitos comentários ofensivos na rede social.

O novo botão “Downvote” que está sendo testado pelo Facebook pode ajudar a resolver esses problemas. Disponível apenas para alguns usuários dos Estados Unidos, o botão Downvote permite sinalizar comentários como negativos. Após o usuário clicar no botão, aparecem opções para selecionar se o comentário é ofensivo, enganoso ou não tem a ver com o assunto. Se muitos comentários forem marcados com downvote, eles somem da página.

Créditos do print: Christina Hudler

A rede social afirmou ao TechCrunch que o teste não afeta o ranking do comentário, post ou da página. É um botão feito para dar um feedback à rede social, e justamente por isso não são mostrados a quantidade de “votos negativos” que um comentário recebeu. “Não estamos criando um botão de dislike. Estamos explorando uma ferramenta para pessoas nos darem feedback sobre comentários em páginas públicas”, disse a rede social ao veículo.

Desde o lançamentos das reações em comentários e posts, o botão é o mais próximo que a rede social lançou de um “Dislike”, algo pedido por alguns usuários há algum tempo. Mas desde 2015, Mark Zuckerberg tem se posicionado contra o dislike. “Nós não queremos construir um botão de Dislike porque não queremos transformar o Facebook em um fórum no qual as pessoas votam positivo ou negativamente nos posts das pessoas. Essa não parece com o tipo de comunidade que queremos criar”, disse o fundador da rede social. O Facebook foi criado no Vale do Silício, um dos maiores polos de inovação do mundo. Para conhecer em primeira mão as novidades e empresas desse ecossistema, participe da Silicon Valley Conference que acontecerá em São Paulo.

[php snippet=5]