Dropbox, startup de US$ 10 bilhões, vai finalmente abrir o capital

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

26 de fevereiro de 2018 às 12:27 - Atualizado há 3 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Os rumores que foram divulgados há um mês atrás se confirmaram: o Dropbox, startup com valuation de US$ 10 bilhões, registrou sua oferta pública inicial de ações nos Estados Unidos. A empresa está pretendendo captar cerca de US$ 500 milhões com a venda de ações, de acordo com um arquivo da U.S. Securities and Exchange Commission.

No registro do IPO, o Dropbox afirmou que está “em escala e é capaz de se mover rapidamente”. O valor de US$ 500 milhões é passível de mudanças, mas deverá ser um dos maiores IPOs dos últimos tempos. O Dropbox é uma startup de armazenamento e compartilhamento de arquivos em nuvem, oferecendo um modelo freemium – com alternativas pagas e gratuitas.

“Enquanto estamos em escala, ainda podemos avançar rapidamente”, escreveram os co-fundadores da empresa em uma carta aos acionistas inclusa no registro feito nessa sexta-feira. “Imagine se cada minuto que estivéssemos no trabalho fossem bem gastos – se pudéssemos focar e gastar nosso tempo apenas nas coisas que importam. Esse é o mundo no qual queremos viver”.

A escala mencionada pelos fundadores da empresa está no nível de 500 milhões de usuários registrados. A receita da empresa cresceu mais de 30% no ano passado, no qual lucrou US$ 1,1 bilhões em comparação aos US$ 845 milhões em 2016.

O símbolo utilizado pela empresa na Nasdaq – mercado de ações dos Estados Unidos – deverá ser “DBX”. A Goldman Sachs, JP Morgan, Deutsche Bank e Allen & Co liderarão a oferta.

O Dropbox é mais um exemplo de startup criada no Vale do Silício que se tornou uma empresa de sucesso. A startup atingiu o valuation de US$ 10 bilhões na última rodada de investimentos realizada em 2014. Para conhecer em primeira mão as empresas e novidades que estão surgindo no maior polo de inovações do mundo, participe da Silicon Valley Conference que acontecerá em São Paulo.

(Via Bloomberg)

[php snippet=5]