Jovem americano de 19 anos cria arma que só pode ser disparada pelo dono

Avatar

Por Lucas Bicudo

25 de abril de 2017 às 17:48 - Atualizado há 3 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

A ONU, em uma estimativa de 2014, ranqueou o Brasil como 16° lugar mais violento do mundo. 10% dos 437 mil assassinatos ocorridos mundialmente no ano anterior teriam sido registrados no país. Além do assustador nível de assassinatos, segundo o Pnud, o Brasil tem a terceira maior taxa de roubos da América Latina: são registrados cerca de 572,7 roubos a cada 100 mil habitantes.

São números completamente alarmantes e que possuem um denominador comum: a arma de fogo – muitas vezes roubada de seus donos para cair na mão dos criminosos. Essa é uma discussão que não vem ao caso aqui. O que queremos discutir é que um americano de 19 anos chamado Kai Kloepfer parece ter encontrado uma solução viável para diminuir os incidentes causados a mão armada – e agora busca financiamento para ela.

Uma inovação para proteger pessoas

Ele criou a uma arma que só pode ser disparada pelo seu dono, ou por quem está autorizado. “Eu estou construindo uma arma mais segura que só o proprietário pode usar, impedindo que crianças, adolescentes e criminosos a usem. Quando você pega a arma, automaticamente ela lê sua impressão digital e a compara com uma lista de usuários que é armazenada dentro dela. Se corresponder, a arma está pronta para uso, caso contrário, é bloqueada e não pode disparar. A única pessoa que pode acessar ou modificar os usuários permitidos é o proprietário. Eles têm controle total para adicionar/remover usuários ou vender a arma”, comenta.

Ela é confiável e segura?

A arma precisa ser confiável e segura. “O único objetivo é ter certeza de que a arma funciona quando o proprietário precisa usá-la. Isso significa projetar um sistema incrivelmente confiável que funciona em uma variedade de condições diferentes. A ideia é projetar um sistema que é mais confiável que uma arma de fogo produzida em massa normal. Fazer isso com sucesso será um desafio, mas que deve ser superado para esta arma inteligente seja capaz de impactar os índices de violência”, explica.

O funcionamento técnico da arma é interessantíssimo. “Quando você adiciona um novo usuário, a imagem de sua impressão digital é convertida em um espécie baralho matemático que representa essa imagem. É um processo unidirecional, então uma imagem corresponderá ao mesmo baralho, mas não há maneira de gerar a imagem a partir do código armazenado na arma. Conseguir a imagem de sua impressão digital fora da arma é impossível”, alerta.

Isso é uma criptografia de altíssimo nível. “Esse embaralhamento é armazenado usando criptografia de grau militar. Isso significa que o proprietário é a única pessoa que pode modificar a lista de pessoas autorizadas a usar a arma. Finalmente, vou ter todo o projeto auditado por uma empresa de segurança independente para quaisquer problemas potenciais antes de liberar qualquer coisa”, continua Kloepfer.

Detalhes Técnicos

A arma desbloqueia em cerca de um segundo depois que a impressão digital toca o sensor e bloqueia em menos tempo ainda. Isso significa que quando o proprietário da arma, um oficial da lei, por exemplo, é desarmado, a arma será trancada antes que um assaltante possa ter a oportunidade de usá-la. Isso significa mais segurança para os usuários. A tecnologia muda o mundo e pode torná-lo cada vez melhor – acreditamos nessa mentalidade, originada do Vale do Silício.

A duração da bateria é de aproximadamente um ano, dependendo da freqüência com que a arma é usada. Existem sistemas de monitoramento sofisticados na arma que detectam o nível atual da bateria e avisam o usuário muito antes de a arma ficar sem bateria. Quando isso acontece, os proprietários podem recarrega-la com um carregador de celular normal em cerca de uma hora. “Esses números são protótipos e estão sujeitos a mudanças, mas fornecem uma indicação aproximada de como funciona a arma inteligente”, finaliza.

Confira um vídeo:

Faça parte do maior conector do ecossistema de startups brasileiro! Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo! E se você tem interesse em anunciar aqui no StartSe, baixe nosso mídia kit.

[php snippet=5]