Versão piloto do carro autônomo da Lyft começa a rodar pelas ruas de Boston

Avatar

Por Isabella Câmara

13 de dezembro de 2017 às 17:10 - Atualizado há 2 anos

Logo ReStartSe

GRATUITO, 100% ONLINE E AO VIVO

Inscreva-se para o Maior Programa de Capacitação GRATUITO para empresários, gestores, empreendedores e profissionais que desejam reduzir os impactos da Crise em 2020

Em junho desse ano, a Lyft e a NuTonomy anunciaram uma parceria para o desenvolvimento de carros autônomos, e prometeram que os pilotos já começariam a rodar nos próximos meses. Agora, segundo um comunicado da NuTonomy, os veículos do projeto já estão circulando em algumas partes de Boston, nos Estados Unidos.

Se você mora em uma área metropolitana, como São Francisco, você provavelmente já se habituou a ver carros com câmeras giratórias rodando pela cidade. Tudo isso é um esforço das empresas para coletar dados adicionais sobre e cidade e o tráfego na região – informações essenciais para criar uma rede autônoma efetiva e segura.

Mais inovações estão a caminho: descubra quais as tendências para o futuro no nosso evento 2018: A revolução da Nova Economia! Inscreva-se!

De acordo com a empresa, a parceria com a Lyft tem dois objetivos. Primeiro, a companhia está buscando formas para permitir que o público experimente veículos autônomos em primeira mão e, assim, entender melhor o impacto dessa nova tecnologia em suas vidas. Em segundo lugar, com base nos comentários dos participantes do projeto piloto, os engenheiros da empresa procurarão melhorar o sistema, para que a empresa consiga oferecer uma experiência de transporte autônomo extremamente segura, eficiente e confortável.

Embora esteja limitado a uma parte seleta de Boston, a realização desses testes é fundamental para obter dados e ampliar o programa, que planeja estar pronto até o final desse ano.

Agora, segundo a empresa, alguns passageiros de Boston na área do Seaport terão suas viagens combinadas com veículos autônomos quando solicitaram passeios pela Lyft. Essa ação dará, para alguns consumidores selecionados, acesso a uma experiência futurista de entrar em um carro autônomo comandando por duas empresas relativamente desconhecidas no mercado, povoado majoritariamente pela Waymo e Uber.

Para a Lyft, a parceria é uma oportunidade de explorar uma empresa que procura especializar-se na tecnologia e, para a NuTonomy, é uma forma de ter acesso a uma rede já existente. Além dessas vantagens, não há dúvidas que a quantidade de dinheiro que circula, tanto na condução autônoma quanto no setor de transportes, é enorme. Recentemente, a Delphi comprou a nuTonomy por US $ 400 milhões, e a Lyft parece continuar a adotar um financiamento adicional com mais de US $ 500 milhões esse mês.

Já percebemos que o mundo está se transformando e as tendências para o ano que vem são impressionantes. Para te ajudar  a saber mais detalhes sobre elas, a StartSe preparou o evento 2018: A revolução da Nova Economia. Inscreva-se!

(Via TechCrunch)