Baidu recebe aprovação para testes de carros autônomos na China

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

23 de março de 2018 às 15:26 - Atualizado há 3 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

A Baidu, o Google da China, recebeu a luz verde de aprovação para começar a realizar testes de carros autônomos nas ruas de Pequim, na China.

A cidade deu permissão à empresa chinesa de testar os carros autônomos em 33 estradas da cidade, disponibilizando, no total, uma área urbana de 105 km para testes. A empresa recebeu a permissão em menos de uma semana em que um carro autônomo da Uber atropelou uma pedestre nos Estados Unidos.

O Baidu é a empresa líder no desenvolvimento de carros autônomos na China. O projeto realizado pela empresa é chamado de “Apollo” e conta até com uma parceria com a Blackberry. “Com políticas de suporte, acreditamos que Pequim se tornará um hub promissor para carros autônomos na indústria”, disse Zhao Cheng, vice-presidente do Baidu, em um comunicado. No início deste mês, o país também deu permissão para montadoras testarem a tecnologia em Shanghai.

Mas essa não é a primeira vez que um carro autônomo do Baidu percorre as ruas da cidade: em julho do ano passado a empresa havia realizado testes. O CEO do Baidu Robin Li afirmou que não havia regras sobre os testes na época.

Em setembro do ano passado, o Baidu anunciou um fundo de investimento de US$ 1,5 bilhão na tecnologia de carros autônomos, e planos para investir em 100 projetos desse veículo nos próximos três anos. A expectativa da empresa é de ter carros autônomos nas ruas da China já em 2019. Leia o nosso e-book gratuito para conhecer o ecossistema empreendedor do país, que conta com o segundo maior mercado do mundo.

[php snippet=5]