As 3 sensações que se tem ao andar no carro autônomo do Google

Avatar

Por Lucas Bicudo

14 de março de 2016 às 17:35 - Atualizado há 5 anos

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora

Existem três reações bastante comuns entre as pessoas que se aventurarem em carros autônomos, segundo Jennifer Haroon, linha de frente de negócios do departamento de automação do Google, mostra o site Business Insider.

A princípio, dá para saber quem já passou por uma experiência de embarcar em um carro autônomo e quem não – isso por alguns comentários que foram diagnosticados como os mais frequentes em feedbacks da tecnologia.

A princípio, as pessoas comentam o quão chato e monótono é estar em um carro livre da necessidade de conduzi-lo.

Em segundo, ficam surpresos com a visão que o veículo tem – o carro autônomo do Google possui um campo de visão de 360º, com sensores que são capazes de enxergar uma distância de até dois campos futebol.

E por fim, todos que experimentam começam a confiar na tecnologia, uma vez que entram simplesmente em contato e conseguem testemunhar sua capacidade de funcionamento.