Apple lançará serviço de streaming até março do ano que vem

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

2 de abril de 2018 às 13:45 - Atualizado há 2 anos

Logo ReStartSe

GRATUITO, 100% ONLINE E AO VIVO

Inscreva-se para o Maior Programa de Capacitação GRATUITO para empresários, gestores, empreendedores e profissionais que desejam reduzir os impactos da Crise em 2020

A Apple lançará sua própria plataforma de streaming de vídeo até março do ano que vem, segundo o que informou o The New York Times. O time de streaming da plataforma é composto por antigos funcionários de TV da Sony e atualmente possui cerca de 40 pessoas.

A plataforma de streaming de vídeos da Apple deverá oferecer desde séries de drama à desenhos para crianças para a Europa e América Latina. A empresa está utilizando o orçamento de US$ 1 bilhão para contratar produtores e diretores de séries de sucesso do Netflix e de outros estúdios – e a expectativa, segundo o The New York Times, é investir ainda mais.

O novo empreendimento da Apple já tem um dos objetivos definidos: reproduzir os conteúdos nas Apple Stores. Por esse motivo, a companhia comandada por Tim Cook está em busca e produzindo séries e filmes com uma ótica amigável, para que sejam exibidos nas lojas sem a necessidade de cortes.

Alguns dos conteúdos que já estão em desenvolvimento são: um filme de drama produzido por Damien Chazelle, de La La Land, um drama futurístico de Francis Lawrence – de Jogos Vorazes -, e um programa de TV com Reese Witherspoon e Jennifer Aniston.

Segundo o Venture Beat, o vice-presidente da Apple, Eddy Cue, disse em uma audiência na SXSW que a empresa estava focada em contar boas histórias através de longos vídeos, diferente do que é feito no YouTube hoje. Seja como for, podemos esperar mais um poderoso serviço de streaming surgindo em breve, desta vez de uma empresa que já é uma gigante do Vale do Silício. Entenda o que faz o Vale do Silício ser o maior polo de inovação do mundo em nosso e-book gratuito.

(Via Venture Beat)

[php snippet=5]