Aplicativo do Photoshop permite editar fotos de graça pelo celular

Avatar

Por Paula Zogbi

6 de outubro de 2015 às 09:41 - Atualizado há 5 anos

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

SÃO PAULO – O queridinho dos editores de imagens acaba de lançar uma versão móvel. Nesta segunda-feira, a Adobe lançou o aplicativo Photoshop Fix, que permite, entre outras funções, adicionar e remover elementos de uma imagem e retocar detalhes nas fotografias, como esconder uma espinha, por exemplo.

Algumas das ferramentas mais famosas da versão desktop estão presentes no app, como as de “curar” e “remendar”, suavizar ou aumentar a nitidez, ou mudar a forma de uma parte da imagem com o pincel “dissolver”. Também é possível clarear áreas, corrigir cores, contraste e saturação ou dar mais destaque a partes específicas das fotografias.

Essas funções representam uma pequena fração do que a versão original é capaz de fazer, mas leva a um novo nível a experiência da edição de fotos no universo móvel. Caso o usuário perceba que precisa de mais precisão ou ferramentas que não estão disponíveis em seu smartphone ou tablet, ou que alguns detalhes estão ficando complicados demais, também é possível enviar a foto diretamente à versão desktop, através da Photoshop Creative Cloud. Não é obrigatório possuir uma conta na nuvem para baixar o aplicativo.

As ferramentas são precisas e também permitem edições divertidas, como distorções e efeitos surreais, mas não espere milagres: caso a câmera do seu celular não tenha muita qualidade ou as condições fotografadas não sejam das melhores, ainda é mais indicado usar o editor na versão desktop para tentar “salvar” sua obra.

O ponto negativo é que o lançamento está disponível apenas para dispositivos iOS, mas a Adobe já disse que planeja lançar também a versão para Android. Nenhuma menção foi feita sobre o Windows Phone.