Analista do Morgan Stanley diz que streaming da música da Tesla faz sentido

Avatar

Por Lucas Bicudo

28 de junho de 2017 às 11:25 - Atualizado há 3 anos

Logo ReStartSe

GRATUITO, 100% ONLINE E AO VIVO

Inscreva-se para o Maior Programa de Capacitação GRATUITO para empresários, gestores, empreendedores e profissionais que desejam reduzir os impactos da Crise em 2020

A Tesla anunciou semana passada planos para entrar no mundo da música. Hoje, Adam Jonas, um analista de investimentos do Morgan Stanley, declarou que o movimento faz sentido.

De acordo com ele, o Vale do Silício está interessado “na oportunidade potencial de vários trilhões de dólares de vender dados, conteúdo e experiências desconhecidas para as montadoras de hoje”.

Jonas prevê que até 2030 a Tesla Mobility – um serviço sob demanda semelhante a Uber – teria cerca de 2 milhões de carros, sem contar os 7 milhões de Teslas de propriedade privada. A indústria automobilística seria uma fonte de perder dinheiro até a data estipulada por Jonas. No entanto, a Tesla seria capaz de monetizar o tempo que as pessoas estão gastando em seus carros, já que ela e outras empresas desenvolvem o que o analista descreveu como uma “sala de estar sobre rodas”.

Todo esse movimento é parte da mentalidade de integrar experiências do Vale do Silício. Montamos o e-book: “Conheça o Vale do Silício“, para te ajudar a entender como as coisas funcionam em um dos maiores centros de inovação do mundo.

“Essas empresas poderiam ceder 100% do valor de seu conteúdo à Apple, Alphabet, Pandora, Sirius ou Netflix. Por outro lado, elas poderiam dizer: ‘espere um segundo, este é o nosso ambiente. Nossa tela OLED. Nossos alto-falantes. Nossa IHM. Nossos assentos. Nosso software. Vamos pelo menos dar ao cliente uma escolha de usar nossos próprios aplicativos antes de terceirizarmos”, comenta.

Além disso, o poder de compra de pessoas que possuem carros elétricos da Tesla pode ser bem adaptado ao mercado de conteúdo premium pago. Streaming de música está cotado em cerca de US$ 50 milhões em valor da empresa para a Tesla, estimou Jonas.

(via Business Insider)

Faça parte do maior conector do ecossistema de startups brasileiro! Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo! E se você tem interesse em anunciar aqui no StartSe, baixe nosso mídia kit.

[php snippet=5]