Agora ficou mais fácil encontrar o que você quiser no Facebook

Ferramenta de busca foi aprimorada também nas versões móveis para iOS e Android

Avatar

Por Paula Zogbi

23 de outubro de 2015 às 13:59 - Atualizado há 4 anos

Depois de muitas reclamações de usuários, o Facebook anunciou nesta quinta-feira um pacote de novidades na sua ferramenta de busca, chamado de Search FYI.

De acordo com uma publicação no blog da rede social, as buscas do Facebook somam 1,5 bilhões por dia, e portanto fazem parte das prioridades da companhia. A nova ferramenta promete oferecer mais possibilidades para as pessoas visualizarem postagens públicas de outros usuários e páginas.

Foram anunciados alguns pontos de mudança: melhores sugestões de busca, que levarão em consideração fatores como o momento atual e serão personalizadas; resultados que incluem posts de amigos e posts públicos de outras pessoas, de acordo com a relevância e temporalidade (“para ajudar você a entender rapidamente o que o mundo está dizendo sobre um tópico no momento”); e a possibilidade de encontrar conversas públicas através da busca: “quando um link é muito compartilhado, ele normalmente gera conversas públicas interessantes”, diz a publicação.

Claro, o usuário sempre pode mudar a privacidade de suas próprias postagens para que elas não sejam visíveis a todos. Mas fique atento, por exemplo, a comentários em fotos de amigos ou em portais de notícias, caso queira manter-se longe dessa nova funcionalidade.

Cutucada no Google?

A publicação da novidade afirma que “as experiências diversas que são compartilhadas no Facebook não podem ser encontradas em nenhum outro lugar” e que os resultados des buscas são “personalizados e exclusivos para você”. Isso pode ser visto como mais uma forma de lembrar a rivalidade que a rede social de Zuckerberg tem, historicamente, com o maior mecanismo de pesquisas do mundo. Caso os usuários realmente usem a nova funcionalidade da maneira como o Facebook espera, é possível que o Facebook se torne uma competição ao Google em buscas de notícias, por exemplo.

Por enquanto, a novidade só vale para usuários que configuraram seus perfis em inglês nas versões desktop, iOS e Android; mas a publicação dá a entender que ela será ampliada em breve. Para saber mais, clique aqui.

Leia também:

Em apenas seis anos, quantidade de “unicórnios” cresce incríveis 3.000%

“Eu nunca tentei fazer com que o Facebook fosse legal”, admite Zuckerberg

Manual básico para ganhar dinheiro com a internet