99 planeja entregar pizzas e documentos via drone em um futuro próximo

Avatar

Por Lucas Bicudo

31 de agosto de 2016 às 09:37 - Atualizado há 4 anos

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora
Logo Black Friday 2020

Nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

A empresa de transporte urbano por aplicativo 99 está estudando formas para iniciar serviço de entrega de encomendas por drones na cidade de São Paulo, algo que poderia começar com pizzas nos próximos dois anos.

A companhia, que até pouco tempo era um serviço para usuários encontrarem táxis, recentemente reorganizou suas operações diante de concorrência de companhias como Uber e Cabify, passando a considerar novas formas de geração de receita.

“Tiramos o ‘táxis’ do nosso nome para contemplarmos outras formas de transporte que não apenas táxi”, disse Renato Freitas, co-fundador da 99 e diretor de desenvolvimento de sistemas da companhia. “Nessa linha, temos muitos projetos, como o de drones, que ainda é embrionário, mas é um dos projetos que temos bastante carinho e que estamos trabalhando bastante”, acrescentou.

Na 99, o projeto de entrega de pizza e outras encomendas via drones começou a ser estudado há cerca de quatro meses, de acordo com Freitas. Uma equipe de 15 pessoas está testando quatro drones dentro do escritório para entender como o serviço poderia ser desenvolvido em São Paulo.

“Há uma chance de 50% de estar rodando em dois anos”, disse ele, citando desafios regulatórios que precisam ser superados. “Entrega de pizza é uma aplicação bem óbvia, mas servirá para entregar coisas que hoje vão por motoboys e vans, como documentos”, acrescentou.

Na Nova Zelândia, a rede de pizzarias Domino’s anunciou que quer ser a primeira companhia do mundo a oferecer delivey comercial via drones ainda este ano, ecoando gigantes como Amazon e Google, que estão trabalhando em projetos de entrega de encomendas usando as pequenas aeronaves não-tripuladas.

“Não faz sentido ter uma máquina de duas toneladas entregando um pedido de 2 quilos”, disse o presidente-executivo da Domino’s, Don Meiji, sobre a estratégia da empresa no país. Na Austrália, as entregas com drones serão legalizadas no próximo mês, desde que o equipamento fique a uma distância de pelo menos 30 metros das casas para onde devem deixar o produto.

Segundo Freitas, nos próximos anos os edifícios poderão ter espécies de helipontos para que os drones possam pousar e entregar as encomendas. “Nos próximos anos, vai ser comum ver drones passando sobre as cabeças das pessoas, fazendo entregas que hoje são feitas por motoboys”, disse.

(via Reuters)

Mensagem do Editor
Ei, tudo bom?
Gostaria de agradecer pela visita! Meu nome é Felipe Moreno, sou editor-chefe do StartSe e, como muito de vocês, dono de uma (minúscula) startup de mídia.
E vou te fazer um pequeno convite: vamos bater um papo! É só se cadastrar aqui embaixo e eu vou te enviar alguns e-mails para você com o melhor do nosso conteúdo para te ajudar, seja você um empreendedor, funcionário, investidor ou apenas interessado neste maravilhoso mundo!
É um caminho de comunicação direto que nenhum outro portal oferece para seus leitores. E a intenção é construir uma comunidade vibrante que esteja preparada para todos os enormes desafios que virão. Vamos construir conhecimento e conteúdo juntos! Conto muito com a presença de vocês neste papo!
[php snippet=5]
E não é só isso! Você tem alguma sugestão de pauta? Quer conversar sobre sua startup? Assessora alguma empresa? Tem alguma dica que pode ajudar outros leitores? Quer ter a SUA matéria publicada no site?
O StartSe quer ouvir de VOCÊ, nosso leitor, o que precisamos fazer para melhorar cada vez mais o site! Deixamos o form abaixo para você, mas se quiser, basta mandar um e-mail para redacao@startse.com.br!
 [contact_bank form_id=3]
[php snippet=9]
E por último, não esqueçam de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook! Lá poderemos debater tecnologia, inovação, startups, empreendedorismo e criar um ambiente saudável de troca de opiniões e networking!