Em alta: táxi autônomo da Tesla, governo digital e vagas no QuintoAndar

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

26 de abril de 2019 às 20:31 - Atualizado há 1 ano

Logo ReStartSe

GRATUITO, 100% ONLINE E AO VIVO

Inscreva-se para o Maior Programa de Capacitação GRATUITO para empresários, gestores, empreendedores e profissionais que desejam reduzir os impactos da Crise em 2020

Além das novidades de tecnologia no setor de supermercados, confira tudo o que aconteceu de mais interessante nos últimos dias e comece a semana informado!

Táxis autônomos da Tesla em 2020

Elon Musk, o presidente-executivo da Tesla, sempre deixou claro seu desejo de criar táxis-autônomos. Essa é uma iniciativa defendida pelo empreendedor para que os motoristas financiem seus carros. No entanto, a ideia estava longe de se tornar realidade – até agora. Musk anunciou que a Tesla lançará sua própria frota de carros autônomos em 2020, confiante de que receberá aprovação regulatória nos Estados Unidos.

OrCam: dispositivo com I.A que torna o mundo mais acessível para cegos

O OrCam, dispositivo com câmera, alto-falante e inteligência artificial é capaz de ler textos, reconhecer rostos, identificar produtos, cores e dinheiro, aumentando a acessibilidade para cegos. O dispositivo é acoplado nos óculos do usuário e é capaz de ler o objeto que está mais próximo de onde a pessoa apontou o dedo. A solução foi apresentada na HealthTech Conference da StartSe que aconteceu na quinta-feira (25).

Governos x startups: os desafios de inovar no poder público

As startups têm sido responsáveis por mudanças em diversos mercados – financeiro, varejo, saúde, entre outros. No entanto, a atuação ainda é pequena no setor público. Para Raphael Braga, superintendente de empreendedorismo da Finep, agência do Governo Federal, o governo precisa se desburocratizar para aumentar seu relacionamento com startups. Segundo ele, esse é o caminho para aumentar a eficiência dos serviços públicos.

Presidente Prudente: um novo polo tecnológico

No entanto, já existem iniciativas públicas que estão fomentando o ecossistema empreendedor no Brasil. Esse é o caso de Presidente Prudente, cidade paulista que criou o Inova Prudente – um espaço físico para integrar startups, empreendedores e pesquisadores. De lá, já foram criadas soluções para o poder público que estão em uso – uma delas não apenas na cidade, mas em todo o estado.

Fintech brasileira Omie recebe aporte de R$ 80 milhões

A Omie, fintech brasileira que oferece software de gestão para pequenas e médias empresas, recebeu um investimento de R$ 80 milhões do Riverwood Capital. A startup possui mais de 13 mil escritórios em sua plataforma e, com o capital recebido, planeja expandir ainda mais sua atuação pelo Brasil.

Braincare é certificada pela Anvisa para medir pressão intracraniana com wi-fi

A Braincare, startup que utiliza sensores para medir a pressão intracraniana, recebeu permissão da Anvisa para comercializar seus sensores com wi-fi. Até então, a empresa utilizava uma versão com cabos. A healthtech impactou no setor ao apresentar um método não invasivo de monitoramento, pois até então, uma das alternativas atuais era de perfurar o crânio. Além disso, ela mudou o nome, tornando-se “brain4care”.

Vagas abertas no QuintoAndar

A startup do mercado imobiliário QuintoAndar abriu mais de 70 vagas de emprego. A construtech está em busca de profissionais em São Paulo, Belo Horizonte, Campinas e no Rio de Janeiro. As áreas procuradas são operação, comercial, análise de dados, vendas e tecnologia.