Musk explica quebra de vidro “inquebrável” da nova picape da Tesla

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

25 de novembro de 2019 às 12:24 - Atualizado há 10 meses

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

O fato mais comentado do evento de lançamento do Cybertruck da Tesla foi o vidro da picape elétrica, dito “inquebrável”, ter rachado após ser atingido por uma bola de metal no evento de lançamento. A demonstração foi realizada por Franz von Holzhausen, designer da companhia, após ele dar uma marretada na carroceria do veículo.

A Tesla apresentou a picape elétrica como “à prova de balas”. O veículo não ficou com marcas da marretada que levou, mas o golpe pode ter sido responsável pela quebra do vidro posteriormente. “O impacto da marreta na porta quebrou a base do vidro e esse é o porquê a bola não ricocheteou. Deveria ter feito o teste da esfera de aço na janela e, *depois*, a marreta na porta. Da próxima vez…”, afirmou Elon Musk no Twitter.

Os testes com a bola de aço foram feitos em duas diferentes janelas – e ambas racharam. No evento, Musk ainda reforça que o vidro apenas rachou e que a bola não atravessou a janela. O CEO da Tesla falou que alguns “melhoramentos” serão feitos antes da produção, prevista para o fim de 2020.

Mesmo com o contratempo, a picape elétrica da Tesla com design futurista tem feito sucesso. Musk afirmou, no domingo (24), que os pedidos para pré-venda chegaram em 200 mil. Ele adiantou que a companhia pensa em lançar uma versão mais compacta do veículo.

“A Cybertruck é o nosso último lançamento por enquanto, mas teremos muitos lançamentos de tecnologia inesperados (a maioria) no ano que vem”, comentou Elon Musk na rede social.