Processamento de imagens é o terceiro desafio do Digital Journey

Conteúdo Patrocinado

Por Conteúdo Patrocinado

7 de novembro de 2018 às 14:41 - Atualizado há 2 anos

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 22 a 25/Fev - 2021, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

A Promon Engenharia está se reinventando. Para isso, lançou o Digital Journey, o seu programa de conexão com startups. Empresas de todo o Brasil podem inscrever projetos que usem tecnologias como Internet das Coisas e Inteligência Artificial para automatizar informações e melhorar os resultados. “Começamos a enxergar como aplicar a tecnologia para tornar os processos produtivos mais rápidos, eficientes e com ainda mais qualidade”, explica Carlos Pingarilho, presidente da empresa.

Para isso, a Promon Engenharia lançou quatro desafios. Um deles é o processamento de imagens, que está relacionado a vários processos da companhia, como desenvolvimento de obras, construção de soluções ou ampliação de um projeto existente. “Ao fazer a ampliação, precisamos levar uma planta do mundo físico ao virtual, processando as imagens e construindo um novo projeto em 3D”, explica Pingarilho. A empresa busca soluções que facilitem esse processo e que possam auxiliar na captura de imagens para acompanhar o avanço real de todas as obras.

A Promon Engenharia também deseja usar a tecnologia para solucionar outros desafios, como Internet of things, Digital Twin & Building Information Modeling (BIM) e gerenciamento de projetos. As inscrições para o Digital Journey vão até o dia 18 de novembro, e podem participar startups que tenham aderência aos desafios e que possuam um MVP (Produto Mínimo Viável) desenvolvido ou validado, ou mesmo que já tenham seu produto ou serviço disponível no mercado. As empresas que se destacarem poderão se tornar futuras parceiras ou fornecedoras da Promon Engenharia. Para saber mais sobre o programa, acesse o site!