GM promete recarregar carro elétrico em 10 minutos e superar a Tesla

Avatar

Por Isabella Câmara

4 de setembro de 2018 às 11:33 - Atualizado há 2 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

No futuro, os carros elétricos da General Motors poderão ter suas baterias, que têm autonomia de cerca de 290 km, recarregadas em menos de 10 minutos. A novidade é fruto da parceria que a GM possui com a Delta Americas, na qual as empresas estão desenvolvendo sistemas de recarga rápida como parte de um projeto de três anos – por enquanto, a iniciativa supera as recargas que os donos de modelos da Tesla alcançam com seus supercarregadores.

“Todo mundo gostaria de replicar o que podemos fazer quando estamos enchendo um tanque de gasolina”, disse Abuelsamid. “Isso vale especialmente verdadeiro para quem mora em grandes cidades. Faz muito sentido ter um veículo elétrico circulando em áreas urbanas, mas as pessoas que moram na região têm menos probabilidade de recarregá-los”.

A corrida pela recarga mais rápida

Atualmente, há diversos projetos de carregadores de carros elétricos e, devido a grande concorrência, o diferencial de cada sistema se dá em relação ao tempo de recarga. Frente a isso, e à preocupação dos clientes com a possibilidade de ficarem sem energia, as fabricantes de veículos estão correndo para criar sistemas que recarreguem carros elétricos mais rapidamente – e com a General Motors isso não está sendo diferente. Com o sistema da Delta, os carros da GM, que estão sendo preparados para venda até 2023, poderão adicionar cerca de 30 quilômetros de autonomia por minuto.

Mas de acordo com a Bloomberg, os sistemas concorrentes da General Motors, Tesla e Porsche, não estão tão longe da fabricante de veículos sediada em Detroit, nos Estados Unidos. Sam Abuelsamid, analista da Navigant Research, afirma que a Porsche está prometendo cerca de 20 quilômetros de autonomia por minuto para seu novo carro esportivo elétrico, o Taycan.

Já com a Tesla, a contagem é um pouco diferente – a montadora fundada por Elon Musk oferece o abastecimento das baterias de seus veículos em cerca de 30 minutos em suas estações com supercarregadores. Atualmente, ao contrário do seu concorrente, o Chevrolet Bolt precisa de cerca de 30 minutos de recarga em estações públicas rápidas para contar com cerca de 145 quilômetros de autonomia. Com a parceria com a Delta Americas, a ideia é diminuir esse tempo de recarga e superar seus concorrentes.