Conheça a resposta do Facebook ao problema das fake news

Isabella Carvalho

Por Isabella Carvalho

15 de janeiro de 2019 às 11:22 - Atualizado há 3 anos

Logo Novo Curso

Transmissão exclusiva: Dia 08 de Março, às 21h

Descubra os elementos secretos que empresas de sucesso estão usando para se libertar do antigo modelo de Gestão Feudal de Negócios.

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

O Facebook anunciou nesta terça-feira (15) que investirá US$ 300 milhões ao longo de três anos para apoiar o jornalismo e notícias locais. A iniciativa ajudará as redações dos Estados Unidos a criar e sustentar modelos de negócios, segundo a empresa.

“Vamos continuar a combater notícias falsas, desinformação e notícias de baixa qualidade no Facebook”, disse Campbell Brown vice-presidente de parcerias de notícias globais do Facebook, em um comunicado. Segundo o executivo, a companhia tem a oportunidade e responsabilidade de ajudar as organizações de notícias locais a crescer e prosperar.

O investimento será usado para alavancar reportagens, recrutar jornalistas e financiar programas para colocar mil profissionais em redações locais nos próximos cinco anos. Entre as organizações beneficiadas, estarão a Pulitzer Center, a Report for America e a American Journalism Project.

Combate às fake news

A decisão do Facebook foi anunciada em um período conturbado para a companhia. Em outubro do ano passado, depois de ser criticada pela presença de notícias falsas em sua plataforma, a empresa criou uma “sala de guerra” para investigar informações. Com a iniciativa, o Facebook atuou nas eleições no Brasil e nas eleições de meio de mandato nos Estados Unidos.