Facebook explica falha em suas redes sociais

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

14 de março de 2019 às 16:36 - Atualizado há 2 anos

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 22 a 25/Fev - 2021, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

Quem é adepto das redes sociais de Mark Zuckerberg certamente percebeu que os serviços estavam instáveis nesta quarta-feira (13). Hoje, o Facebook se justificou afirmando que a pane global é devido a uma mudança de configuração no servidor.

O Facebook, Instagram, Messenger e WhatsApp não estavam funcionando completamente para milhões de pessoas ao redor do mundo. Quando a pane começou, o Facebook informou pelo Twitter que estava trabalhando para resolver o problema e afirmou que não estava acontecendo um ataque hacker.

O Instagram parou de carregar novas fotos e stories durante a tarde de ontem, enquanto no Facebook, usuários também não conseguiam realizar novas postagens. Já no WhatsApp, era possível enviar e receber mensagens de texto, mas o envio de mídias como áudio, vídeos e imagens também ficou comprometido.

Nesta quinta-feira, o Instagram comemorou pelo twitter a volta à normalidade da rede. No entanto, diversos usuários responderam que o serviço ainda não havia sido estabelecido para eles.

Já o Facebook não emitiu nenhum comunicado oficial de que o problema tenha sido resolvido na rede social e relatos continuam sendo enviados ao Down Detector, site que mapeia falhas em outras plataformas.

Fusão das redes sociais

Recentemente, o Mark Zuckerberg anunciou que irá integrar o Facebook, WhatsApp e Instagram. Os serviços continuarão operando como aplicativos independentes, mas com uma única infraestrutura técnica. A expectativa é que isso aconteça entre o final de 2019 ou início de 2020.

Na prática, usuários do Instagram poderão enviar mensagens para contatos do Whatsapp sem sair do aplicativo, por exemplo.