Disney, ESPN e Hulu criam pacote de streaming com o mesmo preço da Netflix

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

8 de agosto de 2019 às 15:32 - Atualizado há 1 ano

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Bob Iger, CEO da Disney, anunciou nesta semana que a empresa irá oferecer seu streaming em conjunto com o ESPN e Hulu. O preço do pacote será o mesmo da Netflix nos Estados Unidos: US$ 12,99.

O anúncio foi feito em uma conferência com acionistas nesta terça-feira (6). A Disney adquiriu a ESPN, canal esportivo que também possui o próprio streaming, em 2017. Já a compra de 100% do Hulu, serviço de streaming concorrente à Netflix, foi realizada em maio deste ano.

Em outra reunião com investidores no primeiro trimestre do ano, Bob Iger havia afirmado que o Disney+, o streaming de vídeo da Disney, é a prioridade da empresa neste ano. Já nesta semana, Iger voltou a ressaltar a importância da plataforma para a companhia.

O pacote de serviços com os três streamings deve ser oferecido em novembro, quando está previsto o lançamento do Disney+. O serviço em conjunto deve ser disponibilizado apenas nos Estados Unidos, devido às licenças de exibição de conteúdo de cada companhia.

O anúncio acompanha uma queda no número de usuários da Netflix – pela primeira vez desde 2011, a empresa enfrentou uma redução de assinantes nos Estados Unidos. O crescimento internacional também não bateu a meta, tendo alcançado pouco mais da metade da quantidade prevista de novos usuários para o segundo trimestre do ano.