Você pode ajudar o Sicredi com soluções para otimizar a seleção de candidatos

Conteúdo Patrocinado

Por Conteúdo Patrocinado

20 de julho de 2018 às 11:58 - Atualizado há 2 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

A contratação de funcionários nem sempre é uma tarefa fácil para as empresas, e incorporar tecnologia neste processo tem se tornado cada vez mais comum para facilitar as etapas. Com o uso de novas soluções digitais, todos ganham: os profissionais de RH, os candidatos e a empresa como um todo. À medida em que novas ferramentas são criadas e com a automatização de alguns processos, a seleção – muitas vezes demorada e cansativa – acaba se tornando mais fácil. Entre os benefícios de usar a tecnologia a favor das contratações, estão a otimização de tempo, eficiência na gestão de projetos e até mesmo redução de custos.

Ferramentas de videoconferência, por exemplo, já ajudam nesse processo com a diminuição de distâncias. Candidatos de outros estados ou, até mesmo países, podem ter acesso a vagas e participar de processos seletivos remotos. Outras tecnologias, como robótica e inteligência artificial, também podem tornar a seleção mais fácil. Mas, a busca pelo perfil ideal precisa ser ainda mais completa. “Hoje, ainda temos uma forma de contratação muito comum e padrão de mercado, em que buscamos o colaborador em sites de recrutamento ou Linkedin”, explica Dagoberto Trento, gerente de PMO corporativo do Sicredi.

Pensando nisso, a instituição, composta por 116 cooperativas de crédito filiadas, que operam em uma rede de atendimento com mais de 1.600 agências, busca startups que possam aprimorar o processo de seleção de seus colaboradores, por meio do programa Inovar Juntos, lançado na última quarta-feira (18). “Nossa ideia é conectar a vida profissional e pessoal do candidato, verificando questões que muitas vezes passam despercebidas, como valores culturais, princípios e propósito”, explica o executivo.

Otimizar a triagem de currículos é um dos desafios do programa. A instituição busca startups que possam contribuir com soluções que integrem dados das redes sociais e outras plataformas usadas pelo candidato. Segundo Trento, o objetivo é ir além das qualidades técnicas. “Queremos cruzar essas informações de forma rápida, para que possamos identificar quem realmente compartilha dos mesmos propósitos e ideias do Sicredi. Não queremos alguém muito bom tecnicamente mas com ideias e comportamentos conservadores, por exemplo”.

Além desse desafio, o Sicredi busca soluções para aprimorar outros processos da instituição, como aumentar a segurança online, conectar associados pessoa jurídica com pessoa física, automatizar a coleta de dados para perfil de investidor, aprimorar a digitalização de documentos e melhorar os processos de gestão de certidões e controle de viagens. “Temos como objetivo transformar a instituição, tornando-a mais digital e alinhada aos novos conceitos de mercado”, explica Trento.

Podem participar startups de todo o Brasil que tenham aderência aos desafios e que possuam um MVP (Produto Mínimo Viável) desenvolvido e validado, ou mesmo que já tenham seu produto ou serviço disponível no mercado. Após o período de inscrições, até vinte startups serão selecionadas para o Pitch Day. As escolhidas passarão para a segunda fase de imersão junto à área responsável da empresa. Depois, poderão testar a solução no ambiente do Sicredi. Por fim, haverá uma avaliação dos resultados para possível parceria comercial com a empresa. Para saber mais sobre os desafios do Inovar Juntos, acesse o site e faça sua inscrição!

Baixe já o aplicativo da StartSe
App StorePlay Store