Quando a Apple precisa de ajuda para inovar, é sinal de que algo está mudando

Avatar

Por Júnior Borneli

28 de novembro de 2016 às 09:53 - Atualizado há 4 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

A Apple sempre foi considerada uma empresa altamente inovadora. Desde os primeiros computadores, até a criação do iPhone, a empresa esteve na vanguarda da inovação, liderada pelo brilhantismo de Steve Jobs.

Porém, no cenário atual, manter-se competitivo por muito tempo nunca foi tão difícil. E até empresas gigantescas, que redefiniram a história da tecnologia, estão buscando ajuda em empresas recém criadas e altamente inovadoras, as startups.

A inovação a partir das startups é fundamental para a competitividade nas grandes empresas. Venha debater esse tema: www.corporateclass.com.br

Só em 2016 a Apple adquiriu ou investiu em 7 startups (em 2015 foram 13 startups), sempre buscando soluções para problemas que ela mesma não conseguiu resolver. Um bom exemplo disso foi a aquisição da startup brasileira Turi, em agosto. Especializada em sistemas de inteligência artificial, a startup criada por Carlos Guestrin foi adquirida por US$ 200 milhões.

O sistema desenvolvido pela Turi permite que aplicativos aprendam com os gostos e preferências do usuário e isso chamou a atenção da Apple, que pretende incluir esse recurso em seus novos serviços.

Esse movimento, onde grandes empresas se aproximam de startups para inovar, é chamado de corporate venturing, e tem crescido exponencialmente no mundo todo. O StartSe, inclusive, realiza um encontro exclusivo para tratar do tema, que é fundamental para o futuro das grandes corporações.

Grandes empresas nacionais, como Bradesco, Itaú, Natura, Embraer, Serasa e tantas outras já perceberam a importância desse movimento e vêm obtendo resultados importantes.

Venha debater esse tema com o StartSe e tenha uma visão clara sobre a importância de investir na inovação através das startups. Acesse o site www.corporateclass.com.br e inscreva-se. São apenas 80 lugares.