Nokia pode vender ou fechar o seu negócio de saúde digital

Avatar

Por Elena Costa

20 de fevereiro de 2018 às 20:10 - Atualizado há 3 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Nokia poderá vender ou encerrar o seu negócio de saúde. A empresa em comunicado revelou que “iniciou uma revisão de opções estratégicas para o Digital Health business” e afirmou que isso “poderá resultar ou não em uma transação ou outras mudanças. E que novos anúncios sobre o negócio será feito se e quando apropriado”.

Ação da empresa surpreendeu já que foi anunciada a menos de 2 anos da compra da startup francesa Withings que conecta produtos de saúde – fitness bands, medidor de sono, termômetros e outros – por cerca de US$ 192 milhões e era um movimento para a empresa se lançar no mercado de saúde digital.

A startup estava sob o grupo Nokia Technologies, uma espécie de hub da empresa e que tem a sua sede no Vale do Silício. O grupo que serve para levar as patentes, a receita e equipe de engenheiros para explorar uma nova categoria de produto teve como início o Digital Media com a câmera Ozo de VR e o Digital Health com a Withings.

No último outono americano, a Nokia anunciou o fim da Ozo e ao mesmo tempo tomou uma redução de US$ 164 milhões no Digital Health, deixando o valor da aquisição da Withings praticamente no zero, segundo reportado pela Reuters. Na época a Nokia afirmou que continuava confidente no potencial de seu negócio de digital health.

Atualmente a confiança acabou, já que a Digital Health está na fila para o próximo corte da empresa. Em comunicado a Nokia enfatizou que não está considerando separar seu lucrativo negócio de patentes, mas como a empresa considera suas opções para o Digital Health, o futuro da Nokia Technologies parece incerto.

Grandes empresas e investidores estão cada vez mais convictos de que as maiores transformações da indústria da saúde nascerão em startups, sejam elas independentes ou criadas dentro das companhias. Mergulhe nesse universo sobre o futuro da medicina no HealthTech Conference.

(Via Venture Beat)

Não deixe de entrar no grupo de discussão da StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo!

E caso você tenha interesse em patrocinar eventos da StartSe, envie um e-mail para patrocinio@startse.com.br

[php snippet=5]