A falta de pontuação de crédito para empréstimos imobiliários tem soluções

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

5 de julho de 2018 às 11:57 - Atualizado há 2 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Agora que você já sabe como a tecnologia pode ajudar na escolha de um imóvel, chegou a hora de ir para uma outra etapa: o financiamento. Esta ainda é uma das maiores barreiras ao comprar um imóvel devido à dificuldade em conseguir empréstimos, financiamentos e acesso a taxas mais baixas de juros.

Conhecer o histórico financeiro de um cliente pode ajudá-lo a conseguir melhores condições de crédito e a tecnologia pode ser uma aliada também nesse quesito. É por esse motivo que o Grupo Engebanc está em busca de uma solução: a versão brasileira do mecanismo de credscore. A intenção é de enviar dados ao mercado sobre o credscore dos clientes interessados e possibilitar a estes clientes financiamentos e empréstimos imobiliários.

Duas tecnologias já estão impactando profundamente nesse setor: a inteligência artificial e o blockchain. A startup Bloom, por exemplo, auxilia registrando o credscore das pessoas na blockchain – uma plataforma descentralizada, aberta e criptografada que surgiu com o Bitcoin, mas que hoje possui diversos usos.

Além de garantir que a pontuação de crédito seja acessível para todos os interessados, a Bloom ainda realiza previsões de credscore. A pontuação de crédito só existe para pessoas que são ativas no mercado financeiro, o que ainda não é super comum no mundo – em 2015, o Banco Mundial estimava que dois bilhões de adultos não possuíam contas bancárias.

Por isso, muitas pessoas têm financiamentos e empréstimos negados pela falta de confiança gerada pela ausência de histórico. A inteligência artificial atua realizando uma previsão desses dados, trazendo mais possibilidades e dados ainda mais assertivos ao mercado.

Caso o histórico de transações continue a ser um problema, outra startup já traz uma solução: a Lenddo. A startup prevê a pontuação de crédito de pessoas utilizando dados como seu comportamento na internet e redes sociais e compras em e-commerces.

A partir dos exemplos citados, o Grupo Engebanc está buscando soluções para credscore e o setor imobiliário. Para tanto, o Grupo está realizando o seu primeiro programa de conexão com startups, chamado de Engebanc Inova.

No programa, startups selecionadas a partir das inscrições serão convidadas a participar de um Pitch Day para apresentarem suas soluções. As startups com maior sinergia realizarão uma imersão junto ao Grupo Engebanc, testando suas soluções. As empresas que mais se destacarem poderão se tornar parceiras ou fornecedoras do Grupo, além de aprenderem com uma empresa com mais de 25 anos de experiência no setor imobiliário.

O Engebanc Inova é uma realização do Grupo Engebanc e da consultoria de inovação Innoscience, com apoio da StartSe. As inscrições já estão abertas e vão até 29 de julho – inscreva-se aqui!

Baixe já o aplicativo da StartSe
App StorePlay Store