Alphaville quer startups como fornecedoras para continuar competitiva

Da Redação

Por Da Redação

3 de julho de 2017 às 14:51 - Atualizado há 4 anos

Logo Novo Curso

Transmissão exclusiva: Dia 08 de Março, às 21h

Descubra os elementos secretos que empresas de sucesso estão usando para se libertar do antigo modelo de Gestão Feudal de Negócios.

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

A Alphaville Urbanismo é um dos grandes nomes do setor residencial do Brasil – uma das poucas empresas no segmento que passou tranquilamente pela desaceleração nos últimos anos. E para não ficar para trás e passar por necessidades, a companhia está procurando startups que possam melhorar seus processos.

No programa Alpha Inova, a empresa busca startups para se relacionar, realizando um piloto ou prova de conceito dentro da empresa, abordando desafios estratégicos reais da Alphaville. As startups então podem ser contratadas como fornecedores ou parceiros da companhia, para gerar uma maior eficiência operacional e criar valor os clientes.

É importante frisar que a empresa pede por startups que já estão no estágio de MVP, ou seja, já possuem um produto mínimo viável funcionando, desenvolvido e validado – não busca startups que estejam em ideação. A companhia prioriza seis desafios estratégicos: construção (eficiência e sustentabilidade), comunidade e serviços, relacionamento e atendimento a clientes, marketing e vendas e eficiência de processos internos. Você pode se inscrever através deste link, na base do StartSe.

São cinco fases, que se estendem entre 3 de julho (abertura de inscrições) e 12 de dezembro, quando ocorre a avaliação dos resultados. Bom notar que a empresa não quer investir nas startups selecionadas e nem tomará nenhum equity: trata-se de uma parceria entre as duas empresas.

Você pode ter mais informações sobre o programa na Base do StartSe.