Carros elétricos: Tesla x Porsche. Quem leva a melhor?

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

29 de janeiro de 2019 às 12:41 - Atualizado há 2 anos

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

Durante muito tempo, a capacidade de acelerar rapidamente, a potência e o torque do motor, e o consumo foram os principais pontos de comparação entre os carros de todos os segmentos, inclusive para os veículos de luxo. Com os carros elétricos, essa noção mudou. A capacidade de carregamento da bateria é mais importante que todos os outros indicadores de desempenho do veículo.

No momento, Porsche e Tesla disputam a preferência dos fãs de carros esporte para saber qual das marcas tem maior autonomia de energia. O Taycan é o carro elétrico da Porsche, que ainda não está a venda, mas é muito aguardado. Tanto que a Porsche anunciou que vau dobrar seus esforços de produção para o carro, de 20.000 para 40.000 unidades para o ano de 2019, devido à demanda avassaladora. O Taycan ainda não tem preço definido, mas há rumores de que o preço do veículo deve variar entre US$ 75.000, para o modelo de entrada, e US $ 130.000, para a versão mais cara da linha.

Do lado da Tesla, o modelo comparável ao Taycan  é o modelo S, com valor de venda de US$ 84.750 para a versão básica. O vídeo mostra como o modelo S é produzido.

Porsche Taycan versus Tesla modelo S

Segundo a Bloomberg, o Porsche Taycan deve atingir 100 Km/h de carga em apenas quatro segundos graças a uma bateria que pode absorver taxas de carregamento de até 350 quilowatts. Em comparação, os veículos Tesla só podem absorver 120 quilowatts.

Para Klaus Zellmer, líder de veículos na Porsche da América do Norte, a capacidade de carregamento será o que diferenciará os carros, não mais a velocidade. “Entrar em um carro e atingir de 0 a 100 km/h em menos de três segundos – faz realmente diferença se você faz isso em 2,8 segundos e o outro carro fizer em 2,7?”, questionou.

A previsão é que o primeiro carro elétrico da Porsche seja lançado no segundo semestre desse ano. Além da Tesla, o veículo concorrerá com o e-tron GT da Audi. No caso da montadora alemã, a expectativa é que o veículo carregue 80% da bateria em 20 minutos – também menor do que os veículos da Tesla.

E a General Motors também entrou nessa briga. Em setembro do ano passado, a montadora prometeu que seus carros elétricos carregariam em 10 minutos.

A oferta de energia elétrica

Além de carregar mais rapidamente, a Porsche deseja que seus clientes tenham fácil acesso à energia elétrica. A montadora realizou uma parceria com a Electrify America para disponibilizar três anos de carregamento gratuito para motoristas do Taycan.