Cada vez melhor: carros autônomos precisaram de menos intervenção em 2017

Avatar

Por Elena Costa

5 de fevereiro de 2018 às 18:40 - Atualizado há 3 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Dados divulgados pelo Departamento de trânsito da Califórnia apontou que os carros autônomos precisaram de menos intervenção humana em 2017. A região que mais concentra os testes de veículos autônomos em todo o mundo, afirma que uma intervenção precisa ser anotada quando é preciso assumir o controle do carro por questões de segurança ou falha no sistema.

Pela definição de intervenção do departamento de trânsito, os carros da Waymo do Google foram os que precisaram de menos participação humana enquanto rodaram na região. Os veículos da empresa rodaram distâncias maiores sem intervenção perante aos anos anteriores, mostrando uma necessidade cada vez menor do humano.

Imagem: G1

A Waymo disse que os motivos das intervenções foram discrepâncias no software ou manobra indesejada do veículo, iguais aquelas apresentadas em 2016, com ocorrências principalmente nas ruas das cidades e não estradas. Além disso, eles revelaram que a sua frota de autônomos rodou ao todo 6 milhões de quilômetros em 20 cidades desde 2009.

Já a GM foi a empresa que obteve o segundo melhor resultado sobre intervenção humana nos veículos. Com 1 intervenção a cada 1.953 km, que ocorreram devido mau comportamento de outros usuários na via e pausas para planejar itinerário.  Em 2016 os carros percorreram 16.000 Km e sofreram 181 intervenções. Ao todo a frota da GM andou 211.903 Km nas ruas de São Francisco.

Em terceiro ficou a Nissan que fez 8.057 Km em 11 meses com uma média de 1 intervenção a cada 334 Km. BMW, Ford, Honda, Tesla e Volkswagen afirmaram que não realizaram testes em vias públicas no período apontado pelo Departamento de trânsito da Califórnia.

Fique ligado nas novidades que estão movimentando o mercado e são as apostas dos maiores especialistas com o nosso e-book 2018: The Observation Deck, que traz as tecnologias que possuem o maior poder de disrupção no futuro próximo. Dê uma olhada!

[php snippet=5]