Blockchain vai mudar mesmo o mercado financeiro?

Avatar

Por CoinBene

12 de março de 2019 às 08:07 - Atualizado há 2 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

O mercado das criptomoedas está cada vez mais em evidência, só que ainda existem muitas pessoas que possuem incertezas sobre o setor. Porém, quem vem ganhando muito destaque e se torna objeto de interesse de empresas e desenvolvedores é a blockchain, tecnologia que está por trás de vários ativos digitais.

Se pensarmos em uma curta definição para blockchain, podemos dizer que trata-se de uma tecnologia que dá segurança e confiabilidade à troca e ao armazenamento de informações entre participantes de uma rede, de modo que nós podemos dispensar intermediários ou a presença de uma entidade centralizadora.

Ou seja, para resumir ainda mais, a blockchain funciona como um livro de registros que guarda informações de forma segura e inviolável.

Blockchain e seus benefícios

A tecnologia que é usada no Bitcoin e em outras criptomoedas pode trazer inúmeras vantagens para inúmeros setores, como tornar operações mais rápidas, seguras e baratas. Um exemplo: em uma entrevista à Época Negócios, a chefe de projetos de blockchain do governo da Holanda, Marloes Pomp, afirmou que a tecnologia ajudou o governo a reduzir burocracias de 13 semanas para 13 minutos, já que cidadãos não vão precisar mostrar ao estado documentos emitidos pelo próprio estado.

Ou seja, graças ao uso de blockchain, o governo holandês consegue dar agilidade para operações que antes poderiam gerar uma espera de praticamente um trimestre, resolvendo a questão em menos de meia hora! Agora, imaginem essas mudanças aplicadas ao mercado financeiro?

Pois bem, elas já vem acontecendo e beneficiando diversas instituições, inclusive algumas do mercado tradicional. Recentemente o banco HSBC anunciou que teve uma redução de 25% nos custos de transação graças a um sistema baseado em blockchain para operações realizadas no mercado Forex.

Outro indício de que a tecnologia será positiva para mudanças no setor financeiro vem de um levantamento realizado pelo TD Bank, destacada em uma matéria do Cointelegraph. De acordo com a pesquisa, 90% dos profissionais de tecnologia acreditam que blockchain afetará positivamente a indústria de pagamentos.

Bob McDonald, professor de finanças da Kellogg School, destaca que a blockchain tem atributos que podem alterar radicalmente o sistema financeiro global, que permanece lento, assíncrono e altamente propenso a erros. Ele ainda lembra que grande parte do esforço no sistema financeiro é voltado a construção de uma base de dados comum, autorizada e atualizada sobre quem possui o quê e quem tem obrigações em relação a o quê, justamente o que a blockchain pode fornecer.

Novas perspectivas

Ficou interessado na blockchain e em suas possibilidades, e gostaria de adquirir mais conhecimento sobre o assunto, além de ter a oportunidade de conhecer especialistas na tecnologia? Então venha para o Blockchain & Cripto Day powered by CoinBene! O evento, que acontece dia 28 de março em São Paulo, terá a participação de especialistas no setor, além de empresas e projetos que vão debater e exibir as principais tendências e novidades sobre as criptomoedas e a tecnologia blockchain. Não fique fora dessa! Para mais informações sobre ingressos e o evento, acesse o site do Blockchain & Cripto Day, da StartSe, powered by CoinBene!

Leia também:

IR 2019: como declarar suas criptomoedas

Robôs: é vantajoso usá-los em negociações de criptomoedas?