Apple patenteou em outubro projeto de iPhone dobrável

João Ortega

Por João Ortega

22 de fevereiro de 2019 às 16:22 - Atualizado há 2 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Um projeto de smartphone dobrável foi patenteado pela Apple em outubro do ano passado. A patente, porém, só foi publicada oficialmente no dia 14 de fevereiro. O registro é um forte indicador de que um iPhone com esta tecnologia seja lançado até 2020.

Smartphones dobráveis são uma tendência do mercado. A Samsung lançou o Galaxy Fold nesta semana. Além da marca sul-coreana, empresas chinesas como Huawei, Xiaomi e Royole também tem produtos do tipo.

O projeto patenteado pela empresa de Tim Cook descreve um dispositivo com uma tela que pode dobrar em duas ou até três vezes. O documento da patente, de 27 páginas, desenha e descreve em detalhes como funcionaria o smartphone. Nas anotações, a Apple aponta que “seria desejável utilizar tecnologias de telas flexíveis”, o que pode indicar que uma tela única e dobrável no iPhone.