Apple lança Apple Card, “um novo tipo de cartão de crédito”, nos EUA

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

20 de agosto de 2019 às 16:21 - Atualizado há 1 ano

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

A Apple lançou, nesta terça-feira (20), o Apple Card nos Estados Unidos. Até então, a empresa havia liberado o teste apenas para alguns usuários. No anúncio, a companhia o descreveu como “um novo tipo de cartão de crédito” e “criado para ajudar clientes a ter uma vida financeira mais saudável”. O cartão não possui taxa de anuidade e está sendo administrado pelo Goldman Sachs.

Os usuários podem requisitar e fazer a gestão do cartão por meio do aplicativo “Wallet” (carteira) do iPhone. Eles podem começar a usá-lo minutos depois da aprovação, pois o cartão foi criado para ser utilizado principalmente pelo Apple Pay, em que o usuário apenas aproxima o iPhone da máquina de cartão.

O próprio número do cartão também está dentro do aplicativo. O cartão físico não possui informações além do nome do dono. As informações de leitura para maquininhas estão presentes no chip. Dessa forma, o usuário pode inclusive trocar o número do cartão no aplicativo, trazendo mais segurança às transações.

Os usuários receberão 2% de cashback nas compras realizadas com o Apple Pay. Com o cartão físico – que é enviado para o cliente após a aprovação da solicitação – esse número é de 1%. Já em compras realizadas na loja da Apple com o Apple Pay, a porcentagem sobe para 3%.

Com o anúncio, a novidade é que, além das lojas da Apple, a empresa terá parceiras em que o cashback também é de 3%. Esse é o caso da Uber e Uber Eats. A companhia informa que novas lojas e aplicativos devem possuir as mesmas condições em breve.

Educação financeira

A Apple propõe atuar na educação financeira dos clientes através do design. Isso porque a empresa está utilizando cores para separar os gastos dos clientes em categorias como comida e bebidas, compras e entretenimento. O cartão branco é pintado no aplicativo com a cor na qual há mais gastos.

Além disso, o aplicativo organiza os gastos em gráficos, demonstrando quais os dias do mês, por exemplo, o usuário realizou mais compras.