Apple fará doação para ajudar a preservar a Amazônia, diz Tim Cook

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

27 de agosto de 2019 às 14:49 - Atualizado há 1 ano

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

Tim Cook, o CEO da Apple, afirmou que a empresa fará uma doação para ajudar na preservação da Floresta Amazônica. Empresas e outros países decidiram intervir após a floresta virar assunto mundial na última semana.

De acordo com o INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), de janeiro a agosto, as queimadas aumentaram 82% em relação ao mesmo período do ano passado. A NASA também divulgou imagens de satélite que mostram a fumaça e afirmou que o número de queimadas pode ser recorde, o que trouxe ainda mais projeção para o assunto.

“É devastador ver o fogo e a destruição devastando a floresta amazônica, um dos ecossistemas mais importantes do mundo. A Apple irá realizar uma doação para ajudar a preservar sua biodiversidade e restaurar a indispensável floresta em toda a América Latina”, escreveu o presidente da Apple no Twitter. Neste ano, a empresa também fez uma doação para a Catedral de Notre Dame, em Paris, após um incêndio.

Quem também está em busca de doações para a Amazônia é Laurene Powell Jobs, viúva de Steve Jobs. Ela é filantropa e uma das criadoras da Earth Alliance, fundação ambiental que também leva Leonardo di Caprio e Brian Sheth como fundadores. Recentemente, a fundação prometeu a doação de US$ 5 milhões e a criação de um fundo específico para a Floresta Amazônica.