Elon Musk anuncia expansão da The Boring Company para a China

O empreendedor norte-americano fará o lançamento oficial da startup de túneis de alta velocidade em evento sobre Inteligência Artificial na China

0
shares

Elon Musk será um dos palestrantes da Conferência Mundial de Inteligência Artificial (WAIC, sigla em inglês) em Xangai, na China. O empreendedor anunciou, pelo Twitter, que aproveitará a viagem para lançar a The Boring Company, sua startup de túneis de alta velocidade, na China.

A The Boring Company, apesar de ser avaliada em US$ 920 milhões, só conseguiu materializar dois projetos em três anos de existência. Um deles foi um túnel teste de pequena extensão, próximo à sede da empresa na Califórnia, e um túnel de quase 2km em Las Vegas.

No entanto, os projetos mais audaciosos de Musk – para os quais a startup foi fundada – esbarraram nos reguladores dos EUA. Entre eles, estão um sistema de túneis em Chicago e um túnel entre Nova York e Washington. De acordo com o empreendedor, eles reduziriam o trânsito e diminuiriam o tempo de viagem das pessoas em horas.

Elon Musk e a China

Em contraste, Musk em diversas oportunidades elogiou a mentalidade do governo chinês. Em 2018, após uma notícia de que uma estação de trem havia sido construída em 9 horas no país, ele twittou: “O progresso da China em infraestrutura avançada é 100 vezes mais rápido do que o dos EUA”.

Alguns meses depois, o empreendedor foi à China para fechar o acordo de construção de uma fábrica da Tesla em Xangai, com capacidade de produzir 500 mil carros por ano. Na ocasião, ele disse à imprensa: “O mundo nunca viu energia humana e vigor nesta escala”.

A Tesla, que tem presença na China desde 2014, construiu suas três maiores estações de carregamentos de carros no país asiático. Para crescer a presença dos veículos elétricos no país, Elon Musk inclusive diminuiu o preço neste competitivo mercado.

Atualize-se em apenas 5 minutos


Receba diariamente nossas análises e sinta-se preparado para tomar as melhores decisões no seu dia a dia gratuitamente.

Comentários