C6 Bank irá liberar versão teste de conta corrente para usuários em maio

Banco digital criado por ex-executivos do BTG Pactual começará a conceder acesso para conta gratuita para usuários beta a partir de maio

0
shares

O C6 Bank, novo banco digital criado por ex-executivos do BTG Pactual, irá liberar a versão beta de sua conta corrente em maio. Os usuários, que serão chamados de “C6 Beta Testers”, já podem se inscrever para testá-la em primeira mão. Eles receberão o acesso aos poucos, a partir do início do mês. A expectativa é que o serviço completo esteja disponível para todos os interessados ainda no primeiro semestre deste ano.

A conta corrente não terá taxas de manutenção, saque ou transferências entre contas tipo TED. O serviço será totalmente digital, administrado pelo aplicativo. No início, os early adopters terão acesso a uma versão mais simples da carteira de opções do banco, para que o C6 Bank a aprimore de acordo com as experiências dos usuários. Depósito por boleto, portabilidade de salário e transferência tipo DOC são alguns dos serviços previstos para serem adicionados no futuro.

“Toda semana convidamos cinco pessoas para testar cada botão do aplicativo”, contou Verena Fornetti, porta-voz do C6 Bank, em entrevista à StartSe. Na fase beta, o aplicativo deverá ser atualizado a cada 15 dias com alterações e melhorias.

A versão para Beta Testers já contará com o cartão múltiplo de crédito e débito do C6 Bank. Ele virá em duas versões: a gratuita, chamada de “Standard” e a paga, apelidada de “Carbon”. A versão com taxas terá um programa de benefícios que ganhará 2,5 pontos por dólar gasto. O programa será chamado de “Átomos” e mesmo quem for usuário beta já começa a pontuar.

“Nós teremos produtos gratuitos e de alta renda. Queremos que nossos serviços sejam acessíveis a todos, que mesmo a parte paga seja de baixo custo”, afirmou Fornetti. No quesito de acessibilidade, o C6 Bank não terá convites para utilização dos produtos bancários – isso valerá apenas para a fase de testes.

Carteira completa de serviços financeiros

O C6 Bank promete oferecer uma carteira completa de serviços bancários. Com 400 funcionários alocados em um prédio na Avenida Nove de Julho, em São Paulo, o banco digital já é robusto, mesmo sem o início oficial das operações.

Além da conta corrente para pessoas físicas, já está no escopo o lançamento de contas para microempreendedores (MEI) e empresas. O C6 Bank também oferecerá produtos de investimento. Atualmente, o banco digital já possui uma plataforma de trading que está sendo testada por grandes clientes institucionais. A corretora possui autorização do B3, CVM e BC e deve ser aberta para todo o público até o final do ano.

Para o desenvolvimento de produtos, o C6 Bank conta com o auxílio de um conselho consultivo focado em tecnologia. "Eles ajudarão a debater questões estratégicas do Banco e nos darão insights em demandas pontuais", contou Fornetti. O conselho é formado por Muhther Dahleh, diretor do Instituto para Dados, Sistemas e Sociedade do MIT, e Stuart Madnick, pesquisador que foi chefe de Tecnologia da Informação no MIT por mais de 20 anos.

Atualize-se em apenas 5 minutos


Receba diariamente nossas análises e sinta-se preparado para tomar as melhores decisões no seu dia a dia gratuitamente.

Comentários