Uber escolhe bolsa de valores de Nova York para abrir capital

A empresa surpreendeu ao escolher a NYSE, bolsa de valores de Nova York, ao invés da Nasdaq, escolha comum das empresas de tecnologia

0
shares

A primeira oferta pública de ações da Uber está cada vez mais próxima. A empresa escolheu a NYSE (New York Stock Exchange) para abrir capital, segundo a Bloomberg. A expectativa é que a oferta seja aberta em abril e que a companhia atinja o valor de mercado de US$ 120 bilhões.

A Uber surpreendeu ao escolher a NYSE, maior bolsa de valores do mundo, porque a NASDAQ é historicamente conhecida por ser o destino comum das empresas de tecnologia. A NASDAQ, também sediada em Nova York, foi a escolha da Lyft, concorrente da Uber nos Estados Unidos.

Uma das razões que pode ter influenciado nessa escolha é que funcionários da Uber já trabalharam na NYSE. O chefe de finanças da companhia, Nelson Chai, também já exerceu o mesmo cargo na bolsa de valores. Já John Train, membro do conselho da Uber, foi o presidente-executivo da bolsa de 2004 a 2007.

A espera pelo IPO

A Uber vem divulgando o desejo de realizar sua primeira oferta pública de ações neste ano desde 2017. No entanto, a Lyft, sua concorrente, acabou saindo na frente e registrou o pedido à SEC (órgão regulador do mercado financeiro dos Estados Unidos, semelhante a CVM) primeiro.

A oferta pública de ações de uma empresa ainda deverá impactar na da outra devido à proximidade. A Lyft deverá iniciar as ofertas na semana que vem, na última semana de março, enquanto a expectativa da Uber é iniciar em abril. Por pertencerem ao mesmo mercado e terem o mesmo modelo de negócios, é possível que investidores fiquem confusos em qual empresa devem apostar. Isso também pode acontecer com motoristas que trabalham nas duas empresas, pois ambas deverão oferecer ações.

Atualize-se em apenas 5 minutos


Receba diariamente nossas análises e sinta-se preparado para tomar as melhores decisões no seu dia a dia gratuitamente.

Comentários