Amazon começa a ensinar português à Alexa

Clientes da Amazon foram convidados a testar o Echo, dispositivo de som com a assistente virtual Alexa

0
shares

A Alexa, assistente virtual da Amazon, está se matriculando nas aulas de português.

A Amazon está enviando convites, desde esta segunda-feira, para clientes no Brasil testarem o Amazon Echo, dispositivo que conta com o software inteligente da varejista. A ideia é que os usuários conversem com a caixa de som para que ela possa incorporar, através de tecnologias de machine learning, a forma de se comunicar do brasileiro.

A Amazon Alexa é compatível com milhares de dispositivos – que vão desde celulares e televisores até lâmpadas e irrigadores. A assistente virtual integra o funcionamento da casa, carro e dispositivos móveis do usuário, tornando todos seu gadgets inteligentes, com o intuito de facilitar tarefas cotidianas e aumentar sua produtividade. Entretanto, hoje, ela só sabe compreender inglês (em seus diversos sotaques), alemão, espanhol, italiano e japonês.

O convite feito a usuários brasileiros afirma que, inicialmente, a Alexa terá recursos limitados. Ao longo dos testes, mais funcionalidades serão adicionadas. “Quanto mais você interagir com ela, mais ela se adapta aos seus padrões de fala, vocabulário e preferências pessoais”, explica o chamado.

Segundo reportagem do jornal Estadão, a previsão é que a Alexa chegue ao Brasil até o fim do ano, embora nenhuma data oficial tenha sido anunciada pela Amazon. A chegada da inteligência artificial integra uma série de avanços da empresa de Jeff Bezos no mercado brasileiro. Um centro de distribuição foi construído na Grande São Paulo com 47 mil metros quadrados e 120 mil produtos, e a companhia tem 160 vagas de emprego abertas na cidade.

Junte-se a mais de 400.000 Empresários e Profissionais Para Conhecer os Negócios Mais Disruptivos do Mundo!

switch-check
switch-x
Nova Economia
switch-check
switch-x
Empreendedores
switch-check
switch-x
Investimentos
switch-check
switch-x
Startups
switch-check
switch-x
Ecossistema

Comentários