Você sabe o que é Open Banking?

A expressão se refere à uma nova forma de lidar com serviços financeiros — no Brasil, a expectativa é de que ela seja regulamentada neste ano

0
shares

Graças aos avanços da tecnologia, o sistema financeiro está passando por grandes mudanças. Em meio à isso, surge o Open Banking. A expressão, ainda pouco conhecida, se refere à uma nova forma de lidar com as operações e atividades financeiras. 

Hoje, os bancos trabalham com um modelo em que possuem o total controle dos dados, desenvolvendo internamente aplicativos e soluções para gerenciá-los. Já no Open Banking, eles passam a fazer parte de um novo modelo de negócio, onde disponibilizam APIs (Application Programming Interface, ou Interface de programação de aplicações) para que outras empresas possam criar serviços integrados à instituição.

Com essas interfaces, o usuário pode ter uma experiência conectada, automaticamente, a diversos sistemas e soluções. Por exemplo: ao usar um aplicativo de controle de gastos criado por uma startup, o cliente pode integrar e gerenciar as informações do sistema de seu banco - concentrando tudo em um só lugar.  

Hoje, o Guiabolso faz algo semelhante. Oferecendo um aplicativo de finanças pessoais, a startup integra dados bancários dos clientes à plataforma. Porém, para que isso aconteça, o usuário precisa autorizar a ação, colocando sua senha bancária. Com o Open Banking, isso é eliminado.  

No Brasil e no mundo

A partir do dia 13 de janeiro de 2018, o Open Banking passou a valer na Europa pela regulamentação PSD2, onde todos os bancos são obrigados a liberar as APIs. Já na Ásia, a regulamentação foi liberada em Singapura, Hong Kong, Malásia e Coréia do Sul. Aos poucos, outros países estão trabalhando para colocar em prática o modelo.

No Brasil, a iniciativa ainda não foi regulamentada. Atualmente, o país precisa superar alguns desafios para receber o Open Banking, como infraestrutura e sistemas complexos das instituições financeiras. Porém, com o avanço das tecnologias, o tema tem sido cada vez mais discutido, inclusive pelo Banco Central. A instituição tem olhado para países que já adotam o modelo para implantá-lo no Brasil ainda em 2019.

Junte-se a mais de 400.000 Empresários e Profissionais Para Conhecer os Negócios Mais Disruptivos do Mundo!

switch-check
switch-x
Nova Economia
switch-check
switch-x
Empreendedores
switch-check
switch-x
Investimentos
switch-check
switch-x
Startups
switch-check
switch-x
Ecossistema

Comentários