Chinesa Xiaomi lança TV 30% mais fina que um iPhone

Avatar

Por Lucas Bicudo

6 de janeiro de 2017 às 16:21 - Atualizado há 4 anos

Logo ReStartSe

GRATUITO, 100% ONLINE E AO VIVO

Inscreva-se para o Maior Programa de Capacitação GRATUITO para empresários, gestores, empreendedores e profissionais que desejam reduzir os impactos da Crise em 2020

A Xiaomi revelou essa semana, no Consumer Electronics Show (CES), em Las Vegas, a mais nova Mi TV 4. Ela vem em três tamanhos diferentes (45, 55, 65 polegadas) e possui uma largura de 4.9 mm, 30% mais fina que um iPhone, em comparação.

A empresa está usando um sistema operacional baseado em Inteligência Artificial e seu PatchWall UI. Isso oferece aos espectadores recomendações personalizadas de milhões de títulos (pelo menos na China). A inspiração vem dos layouts modernos de revistas, segundo o Vice-Presidente Hugo Barra.

“Uma das nossas maiores inovações na construção de TVs inteligentes é a nossa abordagem para a construção de TVs modulares”, diz. Enquanto os televisores tradicionais vêm com a tela e a placa mãe em um único pacote, com sua modular, a Xiaomi permite que os usuários atualizem de forma independente a placa mãe – o que tende a ser muito mais barato do que a tela.

A Mi TV 4 também inclui uma barra de som que possui todas as portas de entrada da TV, bastando conectá-la apenas com um cabo. A experiência de áudio é outro destaque: ela vem com um Dolby Atmos de 10 autofalantes, 2 via satélite e um subwoofer.

O novo televisor será vendido na China “por menos que US$ 2 mil” e será exportado mais para o fim desse ano. A Xiaomi ainda segura o posto de segunda startup mais valiosa do mundo, com um valuation estimado de US$ 46,5 bilhões.

(via TechCrunch)

Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo!

[php snippet=5]