“Uber das bicicletas” levanta US$ 215 milhões em investimentos

Da Redação

Por Da Redação

4 de janeiro de 2017 às 11:42 - Atualizado há 4 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

O modelo “Uber”, onde as pessoas dividem os mais diversos bens de consumo, tem dado certo em vários setores. E um desses é o de bicicletas, onde a chinesa Mobike acaba de levantar um investimento de US$ 215 milhões – o primeiro grande investimento do ano.

Esse é a Série D do Mobike, que já havia levantado grandes valores e foi liderado pela gigante Tencent, a companhia responsável pelo WeChat, e vários nomes ligados ao setor hoteleiro. A companhia tem apenas dois anos, iniciando suas operações em 2015 e chegando em Xangai, a maior cidade chinesa, em 2016.

A companhia difere das tradicionais formas de dividir bicicleta: primeiro, a bicicleta pode ser deixada em qualquer lugar das cidades. Além disso, ela tem uma GIGANTE disponibilidade de bicicletas, já que são mais de 100.000 apenas em Xangai.

A companhia deve usar o dinheiro para se expandir ainda mais e tem planos para expandir, ainda em 2017, para Singapura.

Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo!

[php snippet=5]