Instacart levanta mais US$ 400 milhões e agora vale US$ 3,4 bilhões

Avatar

Por Lucas Bicudo

8 de março de 2017 às 15:07 - Atualizado há 4 anos

Logo Novo Curso

Transmissão exclusiva: Dia 08 de Março, às 21h

Descubra os elementos secretos que empresas de sucesso estão usando para se libertar do antigo modelo de Gestão Feudal de Negócios.

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

A Instacart, startup de entrega de bens de consumo, levantou uma nova rodada no valor de US$ 400 milhões, que a confere um valuation de US$ 3,4 bilhões.

Ao longo do último ano, a empresa enfrentou uma série de polêmicas após aumentar os preços para os consumidores e cortar taxas para seus funcionários. Anteriormente, havia levantado cerca de US$ 260 milhões em um valuation de US$ 2 bilhões.

Até o momento, a Instacart operou exclusivamente nos Estados Unidos, onde os consumidores gastam mais de US$ 727 bilhões em alimentos anualmente, de acordo com os dados mais recentes disponíveis do Departamento de Agricultura dos EUA.

A Instacart tem vários fluxos de receita. A empresa cobra dos clientes uma margem de lucro de suas compras, além de uma taxa para entregar itens em suas casas. Além disso, as marcas de embalados pagam à startup para anunciar em sua plataforma.

O Wall Street Journal informou que o Sequoia Capital contribuiu com US$ 100 milhões nessa última rodada. Também participaram Andreessen Horowitz, Kleiner Perkins, Y Combinator, Dragoneer, Canaan Partners e Khosla Ventures.

A quantia dá uma boa margem competitiva para a startup.

(via TechCrunch)

Faça parte do maior conector do ecossistema de startups brasileiro! Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo!

[php snippet=5]