Impossible Foods: a startup que negou o Google e planeja nunca ser adquirida!

Avatar

Por Lucas Bicudo

30 de março de 2017 às 16:07 - Atualizado há 3 anos

Logo ReStartSe

GRATUITO, 100% ONLINE E AO VIVO

Inscreva-se para o Maior Programa de Capacitação GRATUITO para empresários, gestores, empreendedores e profissionais que desejam reduzir os impactos da Crise em 2020

A companhia por detrás do hambúrguer vegano que tem consistência, cheiro e sabor igual ao de uma carne bovina diz que nunca irá vender seu negócio. Pode parecer um exagero, mas a Impossible Foods já tem uma certa experiência em recusar ofertas tentadoras.

Em 2015, antes do carro chefe da startup – um hambúrguer feito de proteína de trigo e batata, óleo de coco e uma molécula de “molho secreto derivado de plantas” – estar disponível em restaurantes, o Google ofereceu algo em torno de US$ 200 e US$ 300 milhões pelo negócio.

Em uma entrevista ao Business Insider, o CEO Pat Brown bateu pés em suas convicções:

“As pessoas da nossa empresa e nossos investidores sabem que não temos intenção nenhuma de sermos adquiridos por alguém. Isso está claro desde o dia zero”, comenta.

A Impossible Foods é uma companhia completamente guiada por um valor, por um ideal – e é por isso que Brown diz que nunca irá cedê-la a alguém.

“A companhia é definida por uma missão que – não importa o quão incrível seja quem quer adquiri-la e suas convicções – ninguém acredita como acreditamos. Não a colocaremos em risco”.

A startup quer encontrar uma maneira melhor de satisfazer as pessoas que gostam de carne. A população mundial pode atingir nove bilhões de pessoas em 2050 e não há recursos suficientes para apoiar a agricultura animal sustentável a essa escala. Hoje, o setor ocupa cerca de um terço das terras do mundo e representa cerca de 9% das emissões de gases com efeito de estufa.

“Não temos nada contra o Google. Só não queremos ser adquiridos”, finaliza.

(via Business Insider)

Faça parte do maior conector do ecossistema de startups brasileiro! Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo!

[php snippet=5]