Apple nunca gastou tanto em pesquisa & desenvolvimento quanto no último ano

Avatar

Por Lucas Bicudo

2 de fevereiro de 2017 às 13:21 - Atualizado há 4 anos

Logo Black Friday 2020

Nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora

A Apple revelou na última terça-feira que continuará a investir cada vez mais em pesquisa e desenvolvimento. No último trimestre, a empresa gastou US$ 2,8 bilhões em pesquisa & desenvolvimento – mais do que os US$ 2,4 bilhões do mesmo período no ano anterior. Em 2016, foram investidos US$ 10,4 bilhões, o recorde de sua história.

Ano passado, com sua receita geral caindo, parecia que a Apple cortaria esses tipos de investimentos. O remanejamento do Project Titan, sua unidade de veículos autônomos, por exemplo, era um sinal disso. Mas fato é que os números do último trimestre mostram o oposto.

Isso não significa que a gigante de Cupertino é uma das maiores empresas de P&D na indústria de tecnologia. Como porcentagem da receita, os gastos no setor ficam atrás de empresas como Facebook, Alphabet, Microsoft, Amazon, Qualcomm e Intel.

Já é mais do que sempre foi, entretanto. Talvez seja a falta que Steve Jobs faz. O empreendedor já chegou a dizer que “a inovação não tem nada a ver com quantos dólares você gasta em P&D”. Bem, pelo menos enquanto ele estava por lá.

É inegável que a companhia precisa de um produto, junto ao iPhone, que faça seu motor girar.

Talvez o Apple Car? Mesmo que os noticiários digam que a empresa esteja focando em desenvolver software ao invés de hardware, ainda há centenas de funcionários trabalhando no projeto. Talvez algo envolvendo realidade aumentada? Os AR Glasses? Talvez chips? Um dos principais pontos fortes da Apple são seus designers de chips – recentemente foi aberta uma unidade de P&D em Israel, totalmente focada nisso.

Ano passado, o CEO Tim Cook foi questionado sobre o aumento de gastos com pesquisa e desenvolvimento. Ele disse: “você pode olhar para a taxa de crescimento e concluir que há um monte de coisas que estamos fazendo além dos nossos produtos atuais”.

O BI divulgou um gráfico que mostra quanto foi gasto em P&D nos últimos anos:

(via Business Insider)

Faça parte do maior conector do ecossistema de startups brasileiro! Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo!

[php snippet=5]