Você gostaria de viver para sempre? Isso está mais próximo do que você imagina

Avatar

Por Júnior Borneli

9 de março de 2017 às 11:55 - Atualizado há 4 anos

Logo ReStartSe

GRATUITO, 100% ONLINE E AO VIVO

Inscreva-se para o Maior Programa de Capacitação GRATUITO para empresários, gestores, empreendedores e profissionais que desejam reduzir os impactos da Crise em 2020

Morrer sempre foi um dos maiores dramas da humanidade. Conviver com a ideia de que, em algum momento, a sua vida deixará de existir é algo que aflige bilhões de pessoas.

Mas, e se você pudesse viver para sempre? Muitas pessoas dizem que esse é o seu maior sonho. Outras tantas dizem que isso seria um pesadelo. Mas o fato é que a imortalidade está cada vez mais próxima. Pelo menos é o que dizem algumas das pessoas mais inovadoras do mundo.

Peter Thiel é um ícone do Vale do Silício, região que fica na Califórnia e é considerada a mais inovadora do planeta. Fundador do Pay Pal e um dos principais investidores do Facebook, ele é taxativo sobre um tema: “a maioria das pessoas lida com a morte através de uma estranha mistura entre negação e aceitação, mas isso as deixa passivas em relação a morrer. Eu prefiro lutar contra ela”.

E ele não é a única pessoa que acredita ser possível viver para sempre. Ray Kurzweil, Diretor de Engenharia do Google, famoso por ter acertado 86% de suas previsões sobre o futuro, disse que atingiremos a imortalidade ainda neste século.

A longevidade é, de fato, um dos temas mais discutidos no Vale do Silício, conhecida por ser a região mais inovadora do mundo. E esse será um dos temas do Silicon Valley Conference, maior evento de inovação e futuro já feito no Brasil sobre o Vale do Silício.

É fato que a tecnologia vem revolucionando a vida humana. A expectativa de vida cresce ano a ano e inovações como as impressoras 3D já permitem a criação de órgãos artificiais de baixo custo. Até mesmo pele humana já é criada em impressoras desse tipo.

Estudos relacionados ao DNA e ao tratamento de doenças com técnicas revolucionárias têm se mostrado altamente eficazes para casos de câncer, por exemplo. Bilhões de dólares são investidos todos os anos em busca de novos medicamentos e tratamentos que possam postergar o envelhecimento humano.

Em 2013 o Google criou um laboratório dedicado ao estudo da longevidade, chamado Calico (California Life Company). Montantes inimagináveis de dinheiro estão sendo investidos em projetos que proporcionem o aumento da vida humana e a melhoria da qualidade de vida.

Sergey Brin, um dos fundadores do Google, possui uma mutação genética que aumenta suas chances de desenvolver Mal de Parkinson em até 70%. Desde fevereiro de 2014, ele já doou quase US$ 100 milhões de dólares para pesquisas sobre novos tratamentos.

Já o bilionário russo Dmiotry Itskiv reuniu diversos bilionários com o objetivo angariar doações para manter um grupo de 30 cientistas que buscam uma forma de fazer “download da mente” e incorporá-la em um corpo artificial, criando pessoas imortais.

Ninguém sabe, ao certo, onde isso tudo vai parar. Mas é fato que as próximas décadas serão espetaculares.

Para participar do Silicon Valley Conferenteclique aqui e conheça todo o programa. Vamos falar muito sobre longevidade, drones, carros autônomos, impressoras 3D, realidade virtual, inteligência artificial e muitos outros temas.