Startup de alimentos orgânicos cresce e busca investidores para expandir

Avatar

Por Lucas Bicudo

17 de outubro de 2016 às 15:07 - Atualizado há 4 anos

Logo Black Friday 2020

Nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora

A Mondial Brands, startup especializada na venda e distribuição de alimentos orgânicos e saudáveis, está buscando investidores para a expansão de infraestrutura, equipe, marketing, sistemas e tecnologia.

“Tivemos crescimento significativo nos dois últimos anos. A estrutura já não comporta mais o nosso tamanho. Recebemos pedidos de cerca de 4 novos fornecedores por mês, inclusive de grandes fabricantes e multinacionais, solicitando a distribuição dos seus produtos em nossos canais de atuação”, revela Alberto Gonçalves Neto, gestor e idealizador da startup.

A Mondial atua nos mercados B2B e B2C e cresceu 30% só no ano passado. A projeção até o fim de 2016 é que cresça mais 60% e está dentro do objetivo de chegar a R$ 3 milhões de faturamento anual em 2017. O segmento tem se mostrado bastante promissor e, segundo dados divulgados pela agência Euromonitor, movimenta US$ 35 milhões em todo o Brasil.

Entre os mais de 800 clientes da startup está a conceituada Chef Paola Carosella, com a rede La Guapa e Restaurante Mangiare; a loja de produtos naturais Mundo Verde; o Hotel e Restaurante Fasano; o Blue Tree Hotels; o Café do Ponto; Suplicy Cafés Especiais; Tantra Restaurante; lojas de conveniência AM/PM dos Postos Ipiranga e a lanchonete A Chapa.

“A demanda por produtos orgânicos e saudáveis não está mais restrita a um segmento específico do mercado. Vários segmentos antes inimagináveis estão nos procurando para que possamos fornecer nossos produtos para eles, como lojas de conveniência de postos de combustíveis”, explica o gestor.

Comprovando a importância desse mercado também para o consumidor, um estudo da Bain & Company, uma das maiores consultorias de negócios do mundo, relaciona em sua lista das 8 grandes tendências de crescimento de consumo até 2020, que produtos orgânicos passarão de dispensáveis a necessários.

Apostando nessa tendência, a Mondial tornou-se distribuidora de produtos que, além de saudáveis, também são diferenciados. É o caso dos sucos e ovos orgânicos da Fazenda da Toca; da Dubalaco, única bala orgânica no Brasil, que é distribuída com exclusividade pela startup; Chips de Batata Doce, Banana com canela e Banana Salgada, da Roots To Go, sem glúten e kosher; barrinha de Tapioca; e o Caldo de Cana ACANA, 100% Natural em Tetra Pack, sem conservantes ou aditivos. Esses estão entre os 235 produtos, comercializados atualmente, de um total de 33 fornecedores.

Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo!
[php snippet=5]