Softex otimiza e facilita captação de recursos do BNDES-Prosoft

Avatar

Por Lucas Bicudo

18 de outubro de 2016 às 13:51 - Atualizado há 4 anos

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 22 a 25/Fev - 2021, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

A Soluti e a Comunique-se são as mais novas empresas que conseguiram acesso, com o apoio da Softex, a recursos financeiros do Programa para o Desenvolvimento da Indústria Nacional de Software e Serviços de Tecnologia da Informação (Prosoft), do Banco Nacional para o Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

“Como a instituição [Softex] conhece os produtos do BNDES, ela pode auxiliar as empresas que pretendem solicitar aportes no levantamento de informações e preparo do plano de negócios para protocolo no banco. O regramento do Prosoft permite a dispensa de cobrança de comissão de estudos para os planos de negócios encaminhados pela entidade como forma de estimular as empresas de software a realizar esse contato e a preparação”, destaca Ricardo Rivera de Sousa Lima, gerente setorial do Departamento das Indústrias de Tecnologias de Informação e Comunicação do BNDES.

Rodrigo Azevedo, CEO do Grupo Comunique-se, que atua na área de soluções para comunicação empresarial, destaca o trabalho realizado pela Softex, que possibilitou que a companhia cumprisse todos os requisitos do BNDES, auxiliando na montagem do plano de negócios e no esclarecimento das dúvidas ao longo de todo o processo.

“Os recursos que captamos, no valor de R$2,5 milhões serão aplicados principalmente em inovação, no aprimoramento de nossa solução em nuvem para comunicação e PR digital. O Prosoft permite que empresas realmente com potencial de inovação tenham acesso a capital financeiro a um custo acessível, possibilitando acelerar vendas e colocar o país em um patamar mais competitivo, principalmente na indústria de software”.

A Softex já viabilizou mais de R$ 3,1 bilhões em investimentos do programa desde o seu lançamento em 1997. O trabalho de consultoria conduzido pela entidade beneficiou um total de 126 empresas apenas com os recursos oferecidos por essa fonte de financiamento.

“O programa é a principal fonte de financiamento de longo prazo para as empresas desse segmento e um instrumento de financiamento com forte impacto no fortalecimento da indústria. Cerca de 20% das empresas que solicitaram investimentos do Prosoft –  91% delas de médio e grande porte – fazem parte do Brasil IT+, o projeto setorial de exportações que gerenciamos com o apoio da Apex-Brasil”, destaca Diônes Lima, vice-presidente de operações da Softex.

Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo!
[php snippet=5]