Smartphone com tela dobrável da Samsung deve ser lançado neste ano

Avatar

Por Paula Zogbi

6 de janeiro de 2016 às 13:36 - Atualizado há 5 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

A Samsung provavelmente está se preparando para lançar, ainda neste ano, um smartphone bastante original, com a tela “dobrável”, como se fosse um livro, de acordo com analistas do HSBC.

A ideia é uma tela muito maior que pode ser dobrada no meio para que o celular não ocupe muito espaço no bolso. Um “phablet” ainda maior, mas, ao mesmo tempo, compacto quando necessário. O relatório do HSBC diz que essa tecnologia pode chegar mais cedo do que imaginamos.

Há anos, a empresa sul-coreana de tecnologia pesquisa a tecnologia de telas flexíveis e, segundo o Business Insider, o projeto de desenvolvimento do smartphone que finalmente viria com a novidade está sendo chamado de Project Valley.

O analista, segundo o site, escreveu que: “a companhia está se esforçando mais para recuperar fatia de mercado”, e por isso o smartphone deve chegar antes do esperado pela maioria das pessoas – que seria em 2017. Ele acredita que o dispositivo tem o “potencial de ser uma ferramenta ‘matadora’ no mercado de smartphones topo de linha”, por dar aos consumidores “o melhor dos dois mundos”.

Aparentemente, o HSBC não tem uma fonte interna na companhia; mas, de qualquer maneira, o rumor faz bastante sentido.

“Cópias”

Entre os outros rumores para os próximos lançamentos da sul-coreana está uma ferramenta já usada pela Apple na sua leva mais recente: o sensor de pressão. O Galaxy S7 poderá, provavelmente, reagir de maneiras diferentes às pressões aplicadas pelo usuário – o que leva a companhia a ser acusada mais uma vez de “copiar” a Apple – ainda que isso já tivesse sido visto em outros aparelhos anteriormente.

No caso da tecnologia da tela dobrável, a marca se livraria completamente destas acusações, já que seria algo completamente novo.