Site paga 70% das receitas com publicidade aos seus usuários

Avatar

Por Paula Zogbi

26 de novembro de 2015 às 12:38 - Atualizado há 5 anos

Logo ReStartSe

GRATUITO, 100% ONLINE E AO VIVO

Inscreva-se para o Maior Programa de Capacitação GRATUITO para empresários, gestores, empreendedores e profissionais que desejam reduzir os impactos da Crise em 2020

O sonho de muitos escritores e jornalistas é conseguir publicar seus textos na internet, com uma edição sutil, e ganhar dinheiro para isso. E o de muitos leitores é conseguir ler este tipo de texto “isento”. A proposta da plataforma de mídia Slant é justamente essa.

O site, criado em julho deste ano, de acordo com o Business Insider, é um híbrido de plataforma e editora que promete chacoalhar todo o cenário da indústria midiática online. A diretora editorial do projeto, Amanda Gutterman, saiu do Huffington Post em busca de ajudar escritores na oportunidade de divulgar seus trabalhos.

De acordo com ela, o site foi criado como um híbrido entre dois tipos de publicações, cada qual com seus próprios problemas. O primeiro são as “publicações seletivas”, como os grandes jornais, onde é difícil para o escritor publicar seus conteúdos – seu exemplo foi o New York Times. Já o segundo são o que ela chama de “grandes fazendas de conteúdo”, que praticamente não possuem edições mas empacotam as informações de uma forma que elas façam sucesso nas redes sociais – essas publicações tendem a pagar mal, segundo ela.

O Slant funciona assim: uma equipe de seis pessoas realiza uma leve edição e seleção, e paga 70% das receitas geradas por publicidade a quem fez o texto – medidas por cliques, ou visualizações.

Todas as reportagens são checadas, revisadas e repaginadas para redes sociais. Qualquer pessoa pode acessar as ferramentas básicas de edições e enviar artigos, mas eles só serão publicados se os fatos estiverem corretos. As opiniões serão mantidas, então o escritor pode ter o posicionamento que quiser em suas publicações; mas há uma seleção de matérias melhores que serão colocadas na página inicial e nas redes sociais do site.

Quanto ao dinheiro, Gutterman diz que os acordos com anunciantes estão constantemente mudando, e portanto não é possível saber quanto cada texto arrecadará. Mas ao Business Insider, uma pessoa disse que conseguiu cerca de US$3,35 a cada 1.000 visitas. Para conseguir aproximadamente US$300, o número de visitas deveria ser próximo ao que conseguem artigos que aparecem na primeira página do Reddit, diz o BI.

Nem todos os textos vão ganhar muito dinheiro, mas sabemos que há conteúdos na internet que viralizam todos os dias e não ganham nada por isso. No Slant, um dos textos que mais lucraram até agora foi sobre como as mulheres que jogam futebol profissionalmente ganham menos do que os homens.